quarta-feira, 6 de julho de 2016

"Velho Chico e você: tudo a ver"!!

As novelas têm a finalidade de nos divertir, chamar a nossa atenção para algum problema ou até servem para que aqueles telespectadores mais atentos notem os erros primários cometidos pelos seus autores ou diretores. O tema principal de Velho Chico é por demais conhecido no Nordeste. Fato! Os Prefeitos e Vereadores vendidos aos poderosos do Brasil inteiro, outro fato! Agora, encerrar uma sessão da Câmara de Vereadores, sair todo mundo e deixar os microfones da Casa ligados e a rádio transmitindo a sessão, mesmo depois do seu encerramento, tendo um Vereador "Dom Quixote", oposição ferrenha,  como o Bento dos Anjos, é de uma infantilidade ímpar. Ou então os autores e diretores acham que o telespectador é o retrato do brasileiro: retardado! Adoro novelas mas tenho sempre o olhar atento para situações como essas. O Brasil, como um todo, não é nem um pouco diferente de Grotas: os Ministros e Desembargadores dos Tribunais Superiores são nomeados pelo Presidente da República! Os componentes do Supremo Tribunal Federal é que julgarão as "excelências" com o tal foro privilegiado, ou seja, Presidente da República, Deputados Federais e Senadores. A piada fica mais ou menos assim: o Presidente da República indica um sujeito, o Senado o recebe para uma "sabatina" e depois aprova ou não aquele nome. Não me lembro de alguém ter sido reprovado nessa tal "sabatina". Pronto: coloca-se no Supremo um cara que deve favores ao Presidente da República e aos oitenta e tantos Senadores. Por que será que os processos contra Lula e Dilma estão rodando dentro do Supremo e nunca são destinados àqueles que podem fazer as investigações? Principalmente os do Lula que voltou a ser "mortal" e cidadão comum, sem o tal foro privilegiado! Por que o Renan Calheiros, que tem onze processos contra ele no Supremo, ainda não foi incomodado? Inclusive há uma orquestração entre alguns Ministros da Corte para retardar ao máximo esses processos para que alguns possam caducar ou "perder o prazo de validade", se quiserem entender melhor! Na hora da raiva pela indignação que nos acomete, xingamos o Lewandowski, o Fachini, o Zavaski, etc, etc. Eu saio em defesa do Toffoli!! Explico: o cara foi advogado do PT de São Bernardo, foi advogado das campanhas do Lula, foi levado ao Palácio do Planalto pelo Lula, Assumiu a Advocacia Geral da União e, por fim, foi indicado e aprovado para o Supremo Tribunal Federal. O cara teve seus esforços reconhecidos! Teve o que todo funcionário dedicado espera, que é o reconhecimento pelo seu trabalho! Não importa se o Lewandowski foi um advogado medíocre, que entrou no Tribunal de Justiça de São Paulo pela "porta dos fundos", numa brecha aberta na tal Lista de concorrência que existe nesses Tribunais! Não importa se o Toffoli não tem Mestrado, Pós Graduação ou tenha sido reprovado DUAS VEZES num concurso para Juiz!! O que importa é que ele, enquanto funcionário do PT foi padrão! Sinceramente, o Toffoli não tem culpa. Nós, sim, somos os verdadeiros culpados por permitirmos que leis ordinárias e "zarolhas" como essa que dá ao Presidente o direito de escolher quem vai lhe julgar,  sejam criadas e aprovadas! Esse é um dos maiores absurdos da Constituição Brasileira. Enquanto não derrubarmos essa Lei e outras tantas como a do Foro Privilegiado, vamos assistir um bandido como o Renan Calheiros e o Eduardo Cunha debocharem do povo brasileiro, fazendo, inclusive, novas Leis para punir Juízes (entendam Sérgio Moro), Procuradores do MPF e Polícia Federal, por fazerem seu trabalho da forma correta, combatendo as raposas que, como ele, Renan Calheiros, tomam conta desse galinheiro chamado Brasil! Eu quero ver o Presidente do Senado encerrar uma sessão e deixar os microfones e a TV Senado transmitindo os protestos de um Senador "Dom Quixote"! Se bem que o problema é achar, dentre os oitenta e tantos parlamentares, um "Dom Quixote"! Outra coisa magnífica foi a quebra daquela constatação que "a Justiça brasileira é morosa"!! Não, não é! Somos a única Justiça em que o preso é libertado por força de um Habeas-Corpus "presumido"! É isso mesmo: Habeas-Corpus inexistente no papel, na real! O grande homem público e "cidadão acima de qualquer suspeita", Paulo Benardo, esposo da habilidosa(kkk) Senadora Gleise Hoffman, que o diga! O Desembargador Ivan Athiê foi quem concedeu esse "Mandado de Soltura Presumido"!  Esse senhor, muito antes de receber o Habeas-Corpus pedindo a libertação do cara que roubou 100 milhões de aposentados e pensionistas, simplesmente o mandou para casa! Por sorte, temos tantos ladrões com prisão domiciliar decretada que faltou tornozeleira eletrônica. Parece piada mas é vergonhoso! O detalhe legal nessa história toda é que o tal Desembargador Athiê respondeu a processo por um monte de mal feitos, além de ser "chegado" do Advogado do empresário Cavendish! Como diz um amigo meu, "tudo gente fina, elegante e sincera"! Estamos no mato sem bússola, sem gato nem cachorro. Só nos resta pedir a Benedito Ruy Barbosa que nos mande Martinho e Miguel para destruírem o Poder maléfico dos Coronéis que governam esse País com mão de ferro e bolsos sem fundo. Só não precisamos de mais "Bentos dos Anjos". Até porque ele não vai encontrar microfones abertos para vociferar contra seus altíssimos e aparentemente indestrutíveis  "moinhos de vento" da política nacional! O Brasil, como o Velho Chico, está agonizando!

Um comentário:

  1. Muito bom o traçado paralelo entre o que é real e a ficção.....

    ResponderExcluir