domingo, 21 de junho de 2015

"Arraiá do Mairi"!

De cara gostei! Tivemos ontem uma prova de que, de braços cruzados, não iremos a lugar nenhum! A sociedade brasileira tem de se conscientizar de que nem só o Poder Público tem obrigações a cumprir. Na ausência deste, a sociedade organizada pode sim fazer muita coisa. O mais recente exemplo foi a realização da festa de São João em nossa cidade. Ainda que eu continue discordando de algumas contratações, a intenção desse post é mostrar e elogiar a coordenação formada com o intuito de realizar o evento. Deu certo. Muito certo! Fica o exemplo de que podemos fazer qualquer coisa acontecer em qualquer área onde o poder público, por alguma razão, se faça ausente. Como aperitivo, antes de começar realmente o Arraiá, tivemos o desfile pelas principais ruas de Mairi, do bloco, grupo de amigos, "agremiação", enfim, qualquer nome que que a pessoa queira dar, ao animado grupo comandado pelo Zé Navarro, com o mais puro forró pé de serra, denominado "Chá com Bolacha", nome que remete aos velhos tempos da nossa política, e que Zé Navarro, com  inteligência e espírito satírico, pegou a deixa e montou esse animado grupo. E na apresentação de ontem teve até Estandarte! Isso quer dizer que "para o ano sai melhor", esperamos. Muito divertido! Outro ponto a elogiar: a apresentação da Quadrilha Arrocha o Nó, de Angico! A parte "tradicional", aquela que conhecemos como quadrilha junina com as evoluções, perfeita! A dúvida que tenho, e comecei a ter essa dúvida já na Praça da Bíblia na semana passada, com a apresentação da quadrilha comandada por Tutu, é quanto a inserção de ritmos absolutamente estranhos ao momento, como o arrocha, axé e até música gospel! Confesso que não entendi e não entendo qual a relevância dessa pobre e desvirtuada mistura! A quadrilha Arrocha o Nó, ontem, na hora do "Grande Baile" repetiu a fórmula! Mais uma vez quero lembrar às pessoas que tanto trabalho têm para organizar uma quadrilha, e tanto a regida por Tutu quanto a Arrocha o Nó, no quesito sincronismo e entrosamento estavam absolutamente perfeitas! Não sei por quê apelaram para o modismo, tempero absolutamente dispensável quando nos propomos a resgatar a Cultura. A quadrilha do Angico foi mais longe: no Grande Baile, encerramento da apresentação, fez incursões pelos mais variados ritmos brasileiros, mas em nenhum deles identificamos alguma manifestação cultural! Apenas modismo como o arrocha, reggae, axé, etc. Quero deixar uma dica para as duas quadrilhas, principalmente a do Angico que, a meu ver, esteve melhor organizada: se querem diversificar, e concordo com isso, aproveitem as manifestações culturais do Brasil e tragam para a apresentação. Como o tempo é curto pra resumir o Brasil, peguem então as manifestações culturais do Nordeste, como o Bumba Meu Boi, o Frevo e o Maracatu, por exemplo, e levem para a apresentação. Aí alguém pode perguntar: "Frevo? Mas tem a ver com São João"? Diretamente, não! Mas é inegável o seu valor na cultura nordestina. Sem contar que o ritmo e o andamento é igual ao forró que motiva as quadrilhas. Quer ver um exemplo? Cante o frevo "Varre varre vassourinha" e depois "Eu quero ver pega pega no salão..." ou ainda "Eu fiquei tão triste, eu fiquei tão triste naquele São João..."! Não é o mesmo andamento? Então, porque não aproveitarmos a nossa real manifestação cultural que nunca sairá de moda, em vez de valorizar uma moda que, como tal é tão efêmera? De resto, parabéns aos organizadores do "Arraiá do Mairi", aos organizadores e comandantes das quadrilhas e ao Zé Navarro, que com sua marca registrada, a irreverência, nos presenteia com um grupo absolutamente divertido e gostoso de participar. Que venha 2016!

sábado, 20 de junho de 2015

O que germina na estiagem?

O Nordeste é sempre citado como sendo a região mais seca do Brasil. Como diria um personagem da Escolinha do Professor Raimundo, "há controvérsia"!! E há mesmo! Um rápido exemplo: o Estado do Piauí é considerado pelos desinformados como o estado mais seco da região. Pois bem: estudos que datam de muito tempo, revelaram que o maior lençol freático da Região Nordeste está no subsolo daquele estado! E deve estar mesmo! Lembro-me que quando fui morar em São Raimundo Nonato, município com o maior Sítio Arquelógico da América Latina, em 1987/1988, conheci a cidade de Cristino Castro. Lá, há mais de sessenta anos haviam perfurado dois poços artesianos e a vazão continuava a mesma! Num clube e num posto de gasolina da cidade, as duas piscinas eram abastecidas com a água que jorrava por tubos de cem milímetros cravados no meio delas e que ia a mais de cinco metros além dos tubos, numa força enorme! Pra se ter uma ideia, os tubos eram fincados no leito das piscinas e ficavam uns dois metros acima do espelho d'água! Estado seco uma ova! Falta vontade política! Voltando à realidade mairiense, no que diz respeito aos festejos juninos, somos um município com muita "água cultural" sim! E com enorme vazão! Estive ontem na sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais e pude registrar e confirmar que temos sim, excelentes músicos que, em tempos de estiagem e patrocínios suspensos ou minguados, poderiam fazer uma festa absolutamente original e com qualidade musical! Só como exemplos, cito o Rubinho Bastos, do Forró Canto de Cerca, seu pai que também é excelente sanfoneiro, o filho, a esposa de Sampainho do Acordeom, incluindo o próprio, que, se contratados com antecedência, teriam tempo de montar um vasto repertório e fazer um São João TRADICIONAL de verdade, a despeito dos oportunistas que preferem colocar como "atração" principal um cara com um repertório prá lá de promíscuo, sem se preocupar em manter um estilo definido, preferindo agradar apenas aos "troianos", promotores do circo! Tive a honra de conviver, em janeiro de 2013, em Petrolina, com vários Poetas e Músicos defensores da nossa Cultura, como Paulo Ferreira, Zilmar do Horizonte, Chico Pedrosa, Mariano Carvalho, Marcone Melo, João Sereno, etc., numa noite inesquecível na casa do Poeta Luiz Carlos Celante. Esse presente me foi dado por Clayton Muritiba que é amigo de muito tempo dessa rapaziada. O Paulo Ferreira (busquem no You Tube) se propôs a tocar em Mairi no São João, por R$-6.000,00 (seis mil reais) com a banda completa. Era uma forma de ele se fazer conhecido na região e por ser amigo de Clayton. Seus discos foram distribuídos àqueles que tinham o poder de efetivar a contratação mas a devida importância não foi dada! Não quiseram explorar o "lençol freático" da Cultura Regional. Em vez disso, deliciaram-se com Leonardo e Xandy do Harmonia do Samba, que chegou a pedir comida japonesa em Mairi!? Bem feito! Pelo visto há uma epidemia de oportunismo na Bahia:  o que dizer de Piritiba que já tivera verdadeiros festejos de São João, este ano, o cartaz oficial anuncia que "Moderno é ser tradicional...", ou coisa que o valha, e a grande atração é o Luan Santana, seguido pelo Neto LX (Sou um gordinho gostoso...!!)que, segundo informação, tá rolando uma confusão judicial porque o prefeito contratou as "grandes atrações" com dinheiro público e levará para a fazenda da família, onde a camisa da festa "Forrogoró" custará uma fortuna? Se o povo quer circo, terá sempre um aproveitador ou um "fazendeiro" para encurralar seu "gado"! Portanto, convido a todos para virem a Mairi, porque o “tradicional São João” está garantido. Sucessos inesquecíveis como "A onda do raparigueiro agora/É o Whats App/é o Whats App/É o Whats App", do "forrozeiro" Branquinho, certamente levará a galera ao delírio. Prá meu consolo tem o Chico Leite que faz Forró de verdade. E só! De resto, teremos uma enorme safra de oportunismo e incompetência, dois produtos típicos da "estiagem" cultural e que esse ano terá Mairi e Piritiba, dentre outros, como grandes exportadores! Portanto, hoje (sábado) e amanhã, "vamo raparigar"!!

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Uhuu!! Nossa Fauna nas telonas!!!!

Como brasileiro, fico por demais feliz: "Nunca antes na história desse País..." nossas celebridades foram tão homenageadas!! Quem são Jorge Amado, João Ubaldo Ribeiro, Ruy Barbosa, etc., pra merecerem um filme sobre suas vidas!! Qual nada. No máximo, algumas das suas "pobres" publicações viraram folhetim de tv. Agora, "celebridades" como Os Filhos de Francisco,  aqueles dois caras onde apenas um e tão somente um canta, ou aquele molusco com nove tentáculos extremamente danosos ao nosso ecossistema, ou ainda a Anta do Planalto Central, que agora terá sua "comovente" história contada nos telões, antes da sua irremediável extinção!! Essa última película será mais grandiosa que todas as outras "produções do Ego"! A começar pelo  número de "figurantes": teremos verdadeiros épicos dos tempos do Império Romano e suas batalhas campais e suas corridas de bigas, a exemplo de Ben Hur! É esperar pra ver. O "engodo/enredo" todo brasileiro que saiba soletrar "roubo" já conhece. Falta-nos a informação de quem será o "diretor" (alguns falam do "premiadíssimo" João Santana), ou o "mágico" Duda Mendonça. A "direção de fotografia" não terá tanto trabalho, pois bastará reprisar "50 tons de vermelho" para a grande atriz e protagonista. Também não será trabalhoso para a turma da maquiagem, já que o experiente maquiador internacional, Guido Mantega, passou o bastão para outro baluarte da arte de maquiar, Joaquim Levy. E olhem que foi feito tudo de bicicleta, porque a tal imprensa golpista falou abertamente em "pedaladas", creio eu. Enfim, será um sucesso de público e renda. Não poderia deixar de comentar também sobre a produção da obra: na captação de recursos, Paulo Roberto Costa e Renato Duque. Em segundo plano, a revolucionária empresa JD Consultorias, que, enquanto esteve o seu Presidente "impedido de exercer suas atividades laborais", faturou nada mais nada menos que 29 milhões de reais! Recursos não serão um problema. A informação que tenho é que, como se trata de um filme voltado para a nossa Fauna, será co-produzido pelo National Geographic e Animal Planet! Será um sucesso, como o "Filho (da puta) do Brasil" que ninguém viu. Vejam que elenco brilhante:
Roteirista: Rui FALCÃO!!
Produção: Paulo Roberto Costa e Renato Duque!!
Direção: (Cargo vago, visto que é impossível fazer uma Anta mudar seu caminho. Candidate-se!)
Figuração: MST - comandado pelo João Pedro ABUTRE Stédile!!
Artistas Coadjuvantes: José BODE VELHO Sarney e Renan RAPOSA Canalheiros!!!
Artista especialmente convidado: Luiz Inácio MOLUSCO da Silva!!
Também estrelando: Os MORCEGOS do Congresso Nacional, alguns ALCES e outros "bichos"!!
E a grande Protagonista é... Dilma PresidANTA Rousseff.
Farei a seguir, um folder do filme e lhes mostrarei em primeira mão:


Resultado de imagem para fotos de falcões
Presidente do PT!!

Resultado de imagem para fotos de abutres
Líder do MST!!


Resultado de imagem para fotos de bodes
Ex Presidente do Congresso!!



Resultado de imagem para fotos raposa
Atual Presidente do Congresso Nacional

Resultado de imagem para fotos de lulas gigantes
Ex Presidente da República em absoluta decadência!!
Resultado de imagem para fotos de alces
A elegância de um nosso nobre Deputado!!

Resultado de imagem para fotos de morcegos
Nossos Congressistas!!

Resultado de imagem para fotos de antas
Nossa Protagonista e seus "50 tons de vermelho"!!

Resultado de imagem para fotos de lavadeiras
Funcionárias da "Lavanderia Youssef" em árduo trabalho!!

Extras:
Resultado de imagem para fotos de irmaos metralhas
"LILS" - Foto recente.

Resultado de imagem para fotos de irmaos metralhas
Fachada da JD Consultorias







quarta-feira, 3 de junho de 2015

Mairi: a eterna Mãe preterida!!

Não consigo entender como uma pessoa pode passar tantos anos sem visitar um parente, por exemplo, morando tão perto! E aqueles que moram a algumas horas de viagem e levam anos sem fazer uma visitinha à sua terra natal? Pois é: parece que a coisa é mais séria do que imaginamos. A propósito, outra coisa surreal é o encontro anual dos "filhos de Mairi", em Salvador, num restaurante famoso! Por mais que me expliquem, e cada vez entendo menos, não vejo lógica alguma nos tais encontros. Aliás, tem uma lógica: a de ser um encontro político!! Até aí tudo bem; o que não concordo é batizar esse evento como sendo o Encontro dos Filhos de Mairi! Decididamente não é um encontro de mairienses! Basta ver nas fotos das postagens dos blogs que fazem a cobertura do evento ou nos perfis das redes sociais de pessoas que lá estiveram: muita gente ali presente, sequer sabe onde fica a cidade! É um verdadeiro desfile de "celebridades", gastando uma boa grana num restaurante meio chique, a despeito de uma confraternização que considero hipócrita! A começar pela distância entre Mairi e Salvador, irrisória, se considerarmos a distância entre Angico/Umbuzeiro e São Paulo. Lá sim, os filhos desses dois Distritos fazem um verdadeiro encontro anual, tendo em vista justamente a grande distância e o quão dispendioso seria para cada um arcar com passagens aéreas, exatamente porque na segunda-feira todos teriam de voltar ao batente! O legal da rapaziada do Angico/Umbuzeiro, é que eles levam pra São Paulo, sob contratação, os músicos e outros artistas dessas localidades, pra mostrar a arte que seus irmãos podem produzir. Acaba sendo uma vitrine importante para o artista, ao contrário do Encontro dos Filhos de Mairi em Salvador!! Por aí já dá pra ver que a intenção não é de congregar! Temos em Salvador um mairiense, grande músico e compositor que nunca foi convidado a se apresentar nesses eventos! Siro Leal tem dois discos prontos: um foi gravado há uns 3 anos e o outro está prontinho para ser produzido, com os arranjos acabados e esperando patrocínio. Conheço os dois trabalhos e lhes afirmo: são excelentes discos! A grande maioria das músicas são composições do próprio Siro, sem contar que o cara é fera com o violão! Então, não seria um filho de Mairi a ser convidado e mostrado aos soteropolitanos? E tantos outros que existem como Pedro, que representou muitíssimo bem a cidade no Festival de Samba de São Paulo, ficando, juntamente com seu parceiro Joabe, em um honroso 4º lugar no final da competição! Ainda temos João de Sabino e seu grupo de sambadores, Silvano, Bel e Zé Beté, Sampainho do Acordeom, Barco Novo, Pra Caramba, a banda de Tatau Batera, Doce Desejo, etc. Meu amigo Zé Navarro sempre me convidou a participar, mas recusei sob a alegação de que filhos de Mairi têm de se encontrar EM MAIRI!! Seria uma forma de carinho com essa terra/mãe tão generosa e que tanto faz pelos seus filhos. Certamente que com o círculo de amizades que Dr. Aliomar e Zé Navarro têm, trariam para cá muitas pessoas que estariam dispostas a gastar uma boa grana com a festa, o que deixaria nosso comércio e nossos serviços mais "alegres"!! Mas, se preferem fazer a festa na casa da "madrasta", isso certamente fará a nossa "mãe" morrer um pouco mais a cada dia de puro desgosto. Não levarei essa culpa, justamente porque sempre comemorei minhas datas, na minha cidade, com minha família e com meus amigos. Agora, minha maior comemoração será quando da publicação da minha aposentadoria no Diário Oficial do Estado. Sou eternamente grato à minha "madrasta" Salvador que tão bem me acolheu, mas essa comemoração não dividirei com mais ninguém! Seremos eu, minha família, meus amigos e minha querida "mãe", Mairi!
Grande abraço.