quinta-feira, 17 de abril de 2014

Assassinato na minha rua!!

Não se tem limites!!! Essa é a conclusão a que cheguei, após ouvir os disparos que vitimaram fatalmente um vizinho meu. Garoto de aproximadamente 20 anos, cordial, pelo menos comigo mas, que nessa quinta-feira Santa teve sua vida ceifada. Não conheço sua vida pregressa, seus afazeres atuais, apenas sua cordialidade toda manhã e noite quando saia e voltava do trabalho, com um cumprimento bem jovial: "E aê"? Sempre me perguntava.  "Beleza"!! - Eu lhe respondia. tínhamos papos com frases curtas, até pela nossa diferença de idade. Para mim, um cara bacana. Pra quem o matou com vários disparos, não sei. Agora, quando estou fazendo essa postagem, estou ouvindo a mãe dele, caída sobre seu corpo chorando e gritando "Por quê? Por quê"?? Essa dor, infelizmente, não posso descrever. Imagino apenas. Vi o seu corpo de bruço, numa poça de sangue, mas preferi fazer uma fotografia mostrando a aglomeração em torno do seu corpo. Isso aconteceu agora, 16:00 hs, em frente à minha casa. Bom, acabou a greve dos PM's. Mas, e a violência, será que um dia acabará?

Cheguei a vê-lo caído. Preferi fazer essa foto da frente da minha casa, para ilustrar o caminho que as drogas e as "facilidades" efêmeras proporcionam. Lamentável! Mais um jovem que se perde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário