sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Só no Brasil mesmo!!!

Estava vendo o noticiário na tv hoje à noite e me deparei com uma situação ridícula, esdrúxula, humilhante, espoliadora e outros adjetivos que deixam a gente com toda raiva do mundo. A máfia da tal "vistoria veicular" está dando o que falar. Terceirizam os serviços e roubam o cidadão descaradamente. Em São Paulo a tal vistoria está suspensa porque a tal empresa responsável pelo (des)serviço, está sob suspeita de irregularidades. Grande novidade nesse País de ladrões!! A grande covardia  é que quem deveria ser punido com rigor, não é. Principalmente o primeiro falsário, o Governo Federal, com sua gasolina "batizada"! A moça levou o carro novo (sete meses de uso), revisões em dia e... Tchan tchan tchan tchan!!! Recebeu multa da tal "vistoria veicular" de R$-450,00 (quatrocentos e cinquenta reais)! Moral da história: a gasolina oficial é por demais "batizada" e, quando chega à maioria dos postos, recebe uma espécie "crisma" ou "segunda comunhão", com o perdão da Santa Igreja Católica. Logo, quem deveria pagar esse preço seria o próprio Governo Federal e os donos de postos salafrários. Mas no Brasil da promiscuidade partidária, o consumidor "vida de gado" é quem sempre paga a roubalheira. E pelo visto, nada vai mudar e os salafrários continuarão a voar com "céu de brigadeiro" por muitos e mutos anos ainda. Fazer o quê?




Nenhum comentário:

Postar um comentário