terça-feira, 23 de abril de 2013

A cópia mal feita!

Em várias oportunidades eu falei aqui que o Brasil copia tudo (que não presta) dos Estados Unidos. A triste notícia divulgada hoje dá conta de que o tal fracionamento de medicamento não deu certo. Por que? Bem, a Anvisa e Ministério da Saúde concederam a autorização mas não a obrigatoriedade da venda com fracionamento. Imaginem o porquê dessa não obrigatoriedade!! De um lado os grandes laboratórios com poder de, literalmente, "dar ordens" a governos nanicos como o nosso. Do outro, a má vontade compreensível mas não aceitável dos laboratórios. Imaginem se eles vão deixar de produzir uma embalagem com trinta comprimidos a um custo alto para os salários brasileiros, para produzirem APENAS o necessário para sete ou dez dias, conforme a prescrição médica? Você compra uma caixa de remédio e na metade do conteúdo já está curado. O que fazer com o restante? Querem apostar como em todos os lares existem embalagens de medicamentos com muita sobra e vencidos? É exatamente porque não vendem de forma fracionada. A Tv noticiou que nos Estados Unidos os medicamentos são vendidos fracionados!! Por que não copiaram o sistema como um todo em vez de "fazer de conta" que somos atendidos como os americanos? O Brasil caminha a passos largos para a molequeira republicana: as famigeradas ANA, Anvisa, Anac, Anatel, Aneel, Antac e outras "anas" menores, estão aí para comprovar que não regulamos porcaria nenhuma; somos regulados! Mas nosso País só tem 512 anos... Vamos crescer e tirar as espinhas do rosto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário