quarta-feira, 31 de outubro de 2012

A perversidade da vingança

Não raro, gestores vencidos nas urnas retaliam contra seus munícipes. Isso além de perverso é imoral! Até o dia 31 de dezembro de 2012 todos os gestores que não lograram êxito nos seus pleitos têm responsabilidades diretas com o seu município. E isso inclui atendimento respeitoso em todas as áreas. Para isso até o último dia do ano ele receberá seu salário. Portanto, nada mais justo que a população tenha a atenção devida até o "apagar das luzes", como dizemos. Só que algumas pessoas, por arrogância ou ruindade mesmo, penalizam a população que por essas tais pessoas  tinha de ser zelada. Afinal, como sendo "pessoa de bem" e "homem direito" tão propalado durante a campanha, por mero capricho vingativo demitir funcionários considerados importantíssimos na área de saúde é por demais perverso. E isso acontece justamente quando temos um problema ainda sem solução, assolando a região da Fazenda Viola. A grande maioria das Enfermeiras foi demitida. Inclusive a profissional que era responsável por aquela área. Já pensaram se a moda pega e, em Salvador, por conluio com Pelegrino o nosso (des)governador resolver punir toda a cidade DE NOVO? Já fomos punidos com suspensão na concessão das Licenças-Prêmio, corte de 13% (treze por cento) no  CET da maioria dos funcionários públicos, insensibilidade e má vontade na resolução da greve dos policiais e dos professores, mostrando que não estão preparados para receber doses homeopáticas do seu próprio veneno? É o fim! E parece que em minha cidade a tônica "do time de Lula e Dilma" encontrou respaldo. No comício de Pelegrino na Praça Castro Alves o Lula ameaçou a cidade. Em Cajazeira X a Dilma usou o mesmo tom para tentar intimidar o povo!! Onde eles (os petralhas) diferem dos sedentos de vingança da História? Como um Presidente da República pode se ombrear com Mahmoud Ahmadinejad, Hugo Chaves, FARC's, Evo Morales,   que pegou para si refinarias da Petrobrás, dizer que ama o seu povo? Que tipo de amor é esse? "Dou-te a esmola e me serás fiel até o fim dos tempos, não me fazendo perder nenhuma eleição!!" E o pior é que esse povo ainda chama o Lula de "pai dos pobres!" Já vi isso acontecer antes e a História Universal mostrou que por um tempo esses mercadores de ilusões até se deram bem. Mas o povo acordou como certamente, de agora por diante, as pessoas de Mairi  vão abrir mais ainda os seus olhos para os falsos "homens de bem" e "pessoas de família". Um pingo de amadurecimento é o que espero dos mairienses. Quanto às demissões, tomara Deus que nada de mais grave aconteça. Até porque já tivemos algumas mortes e não gostaríamos de virar de uma hora para outra manchete nos "Jornais Nacionais" da vida, por conta de uma infame vingança de uma equipe gestora ressentida. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário