segunda-feira, 30 de julho de 2012

Para ler e refletir!!

 Artigo do Augusto Nunes na sua coluna Direto ao Ponto, de Veja.

22/06/2011
às 18:51 \ Direto ao Ponto

Herança maldita é a institucionalização da impunidade dos bandidos de estimação

PUBLICADO EM 22 DE JUNHO DE 2011
Se conseguisse envergonhar-se com alguma coisa, o ex-presidente Lula estaria pedindo perdão aos brasileiros em geral, por ter imposto a Dilma Rousseff a nomeação de Antonio Palocci, e aos paulistas em particular, por ter imposto ao PT a candidatura de Aloízio Mercadante ao governo estadual. Se não achasse que ética é coisa de otário, trataria de concentrar-se nas palestras encomendadas por empreiteiros amigos para livrar-se de explicar o inexplicável, como o milagre da multiplicação do patrimônio de Palocci e a comprovação do envolvimento de Mercadante nas bandalheiras dos aloprados. Se não fosse portador da síndrome de Deus, saberia que ninguém tem poderes para revogar os fatos e decretar a inexistência do escândalo do mensalão.
Como Lula é o que é, aproveitou a reunião do PT paulista, neste 17 de junho de 2011, para tratar de todos esses temas no mesmo palavrório. Com o desembaraço dos condenados à impunidade perpétua e o cinismo de quem não tem compromisso com a verdade, o sumo-sacerdote da seita serviu a salada mista no Sermão aos Companheiros Pecadores, clímax da missa negra em Sumaré. Sem união, ensinou o mestre a seus discípulos, nenhum bando sobrevive sem perdas. Palocci, nessa linha de raciocínio, perdeu o empregão na Casa Civil não pelo que fez, mas pelo que o rebanho governista deixou de fazer. Foi despejado não por excesso de culpa, mas por falta de braços solidários.
Para demonstrar a tese, evocou o escândalo do mensalão, sem mencionar a expressão proibida. “Eu sei, o Zé Dirceu sabe, o João Paulo sabe, o Ricardo Berzoini sabe, que um dos nossos problemas em 2005 era a desconfiança entre nós, dentro da nossa bancada”, recordou. “A crise de 2005 começou com uma acusação no Correio, de R$ 3 mil, o cara envolvido era do PTB, quem presidia o Correio era o PMDB e eles transformaram a CPI dos Correios, para apurar isso, numa CPI contra o PT, contra o Zé Dirceu e contra outros companheiros. Por quê? Porque a gente tava desunido”.
A sinopse esperta exige o preenchimento dos muitos buracos com informações essenciais. Foi Lula quem entregou o controle dos Correios ao condomínio formado pelo PMDB e pelo PTB. O funcionário filmado embolsando propinas era apadrinhado pelo deputado Roberto Jefferson, presidente do PTB, que merecera do amigo Lula “um cheque em branco”. O desconfiado da história foi Jefferson, que resolveu afundar atirando ao descobrir que o Planalto não o livraria do naufrágio. Ao contar o que sabia, desmatou a trilha que levaria ao pântano do mensalão. Ali chapinhava José Dirceu, chefe do que o procurador-geral da República qualificou de “organização criminosa sofisticada” formada por dezenas de meliantes.
Tais erros não podem repetir-se, advertiu o pregador. É preciso preservar a coesão do PT e da base alugada, contemplando com cuidados especiais os parceiros do PMDB. Para abafar focos de descontentamento, a receita é singela: “A gente se reúne, tranca a porta e se atraca lá dentro”, prescreveu. Encerrada a briga de foice, unifica-se o discurso em favor dos delinquentes em perigo.
“Eu tô de saco cheio de ver companheiro acusado, humilhado, e depois não se provar nada”, caprichou na indignação de araque o padroeiro dos gatunos federais. Aos olhos dos brasileiros honestos, figuras como o mensaleiro José Dirceu, a quadrilheira Erenice Guerra ou o estuprador de sigilo bancário Antonio Palocci têm de prestar contas à Justiça. Para Lula, todos só prestaram relevantes serviços à pátria. A lealdade ao chefe purifica.
“Os adversários não brincam em serviço”, fantasiou. “Toda vez que o PT se fortalece, eles saem achincalhando o partido”. É por isso que Mercadante está na berlinda: segundo Lula, os inimigos miram não no comandante de milícias alopradas, mas no futuro prefeito da capital. “Nunca antes na história deste país tivemos condições tão favoráveis para ganhar as eleições no Estado”, festejou no fim do sermão.
Se há pouco mais de seis meses o PT foi novamente surrado nas urnas paulistas, o que ampara o otimismo do palanque ambulante? Nada. É só mais um blefe. O PSDB costuma embarcar em todos. Não conseguiu sequer deixar claro que o Brasil Maravilha esculpido por milhares de falatórios só existe na imaginação dos arquitetos malandros e na papelada registrada em cartório.
Cumpre à oposição mostrar que o homem que brinca de xerife é o vilão do faroeste de quinta categoria. Os brasileiros precisam aprender que o câncer que corrói o organismo político nacional não é a corrupção simplesmente ─ essa existe em qualquer paragem. É a certeza de que não haverá sanções legais. Ao longo de oito anos, enquanto cuidava de promover a ignorância à categoria das virtudes, Lula institucionalizou a impunidade dos corruptos e acelerou a decomposição moral do país.
O Brasil deste começo de século lembra um grande clube dos cafajestes sustentado por milhões de eleitores para os quais a vida consiste em não morrer de fome. Esta sim é a herança maldita.

O PT desdenha dos brasileiros!

Estava assistindo a uma retrospectiva do processo sobre o Mensalão num telejornal e vi o José Dirceu, quando deixava a sombria Casa Civil, dizendo que lutaria até o fim, porque sabia lutar "no Planalto e na planície..." Confesso que essa declaração me deixou com medo. Afinal, o que aconteceu com o Celso Daniel, seu companheiro de partido, deixa claro que, além de roubar muito bem o PT também pode matar muito bem, não fosse pela explicação do dono da caminhonete blindada e que misteriosamente a porta  destrava quando o veículo fora abordado, levando o Prefeito de Santo André, carona no veículo,  à morte. Não é nenhuma novodade que o PT, como um todo, é absolutamente arrogante. Vejam o resultado na Bahia, por exemplo! Vamos ver o que acontecerá com os mensaleiros que começarão a ser julgados agora em agosto. Todo Brasil espera que  o Supremo dê a resposta que todo cidadão decente tanto aguarda. Que Deus ilumine as mentes dos Ministros do STF.

A Maldição (ou não) da Casa Civil.

O Augusto Nunes, de Veja, os presenteia com mais um descalabro dos Petralhas de Brasília. Vejam abaixo:

30/07/2012
às 0:01 \ Direto ao Ponto

As provas que a procuradora não enxergou estão no email em que o filho de Erenice mostra como subir na vida sem ter cérebro

Dono de uma empresa de transporte aéreo, Fábio Baracat aceitou em abril de 2010 a proposta feita pelo aprendiz de lobista Israel Guerra. Em troca de R$ 25 mil por mês pela “consultoria”, mais a taxa de sucesso de 6% sobre o valor de cada negócio fechado com o governo, o filho de Erenice Guerra cuidaria de abrir-lhe portas federais fechadas a brasileiros que não cresceram no colo de uma chefe da Casa Civil (e melhor amiga de Dilma Rousseff).  Por um contrato de R$ 84 milhões com os Correios, por exemplo, Baracat pagou a Israel R$ 5 milhões. Além da prestação mensal.
Baracat foi um dos muitos empresários, todos interessados em acertos com o governo, que engrossaram a relação de clientes da arapuca armada por Israel Guerra e Vinícius de Oliveira Castro, assessor da Casa Civil. Quando VEJA revelou a movimentação da dupla nas catacumbas de Brasília. Vinicius afastou-se imediatamente do local do crime. O sócio majoritário tentou explicar-se com uma espantosa sopa de letras enviada à direção de VEJA, por email, em  14 de setembro de 2010. Confira o texto transcrito em negrito e sem correções. Volto em seguida.
“No final do mês de dezembro do ano de 2009, o sr. Fábio Baracat, me procurou com o problema de que a empresa ao qual se dizia sócio, e que inclusive, apregoava que estava assumindo o controle total, a MTA Linhas Aéreas, estava quase expirada sua autorização para voar e solicitando ajuda no sentido de trabalhar e resolver tal situação. Informei ao senhor Fábio que, estando cumpridas todas as regras e requisitos de segurança operacional, havia a possibilidade legal prevista na legislação vigente, da concessão de outorga pelo Diretor Presidente da ANAC, pelo expediente AD REFERENDUM, conquanto a empresa também estivesse regular quanto suas obrigações jurídico fiscais. Eu construí a argumentação e o embasamento legal da referida peça e a encaminhei ao representante legal da empresa aqui na cidade de Bsb, que a protocolou no órgão competente. Por razão deste serviço prestado, solicitei a gentileza de meu irmão, que a CAPITAL emitisse nota fiscal contra a pessoa jurídica indicada pelo senhor Fabio Baracat para cobrança do pagamento. Os documentos fiscais e contábeis, encontram-se a disposição para eventuais esclarecimentos.
Cumpre informar que conheci o sr. Fabio em meados de 2008, apresentado a mim pelo meu amigo e compadre Vinicius e que durante certo período, foi de meu círculo de amigos, tendo inclusive, sido apresentado em momento social, a minha mãe, que a época, era Secretária Executiva da Casa Civil, na condição de amigo meu, nada mais do que isto.
Ressalto que não houve a busca por clientes, mas sim, um suposto empresário, que a época se dizia uma amigo, que na verdade era um agenciador de cargas para a mencionada empresa aérea, solicitando a produção de um trabalho, junto a área do direito aeronáutico que eu detenho relativo conhecimento, e este trabalho foi produzido e apresentado de maneira satisfatória ao órgão regulador pelo procurador constituído a época dos fatos. Me foi perguntado, se já havia recebido “empresários” e feito negociatas no escritório Trajano e Silva. Informo que isto nunca ocorreu, já fui lá inúmeras vezes, visto que meu tio trabalha no referido escritório e sou bacharelando em Direito, sendo que constantemente, vou ao escritório para a complementação de minha graduação e que, inclusive, a época em que fiz o trabalho acima mencionado para o senhor Fábio, solicitei a permissão de recebê-lo na sala de reuniões do escritório, visto que não dispunha de espaço razoável para expor o trabalho feito ao referido “empresário” Fábio Baracat.
Por último esclareço, que a época da constituição da CAPITAL, meu irmão me solicitou que esta fosse registrada no meu endereço residencial, em razão da impossibilidade financeira de estabelecer o escritório numa sala comercial, ademais, meu irmão me informou que deu entrada no encerramento da empresa já no início deste ano corrente
Espero ter respondido aos questionamentos”.
Nem Lula conseguiria fabricar esse desfile de frases sem pé nem cabeça, vírgulas fora de lugar, substantivos na contramão, plurais guilhotinados, adjetivos bêbados, concordâncias desatinadas e outros assombros. Nem um manifesto subscrito pela direção do PT conseguiria juntar num único besteirol tantos desmentidos inconvincentes, fantasias indecorosas e desculpas esfarrapadas.
O texto comunica aos berros que, sem a ajuda clandestina da mãe poderosa (a quem confessa ter apresentado Baracat, mas “na condição de amigo”), o garotão estaria condenado ao desemprego perpétuo. Demonstra que, sem o amparo da Casa Civil, Israel não seria convidado para intermediar sequer a negociação da gorjeta entre o freguês e o garçom do botequim. Só um napoleão de hospício fantasiado de empresário pagaria mais que 10 reais por um “embasamento legal” rabiscado pelo analfabeto funcional.
Na semana passada, a procuradora Luciana Marcelino Martins solicitou o arquivamento do inquérito aberto para apurar o caso. As investigações da Polícia Federal prosseguem, mas Erenice e seu filhote se livraram do primeiro balaio de maracutaias porque a representante do Ministério Público não encontrou motivos para suspeitar da família Guerra. Se ler o email com a merecida atenção, Luciana topará com as provas contundentes que jura ter procurado.
A menos que ache possível subir na vida sem ter cérebro, a doutora vai descobrir que enxergou um consultor honesto onde o Brasil que pensa só consegue ver um filho da mãe.

"Será mentira ou será verdade..."

Do Augusto Nunes, de Veja:

29/07/2012
às 14:13 \ Feira Livre

Carlos Brickmann: a estranha história do empregão da primeira-dama da Bahia

PUBLICADO NA COLUNA DE CARLOS BRICKMAN
O problema dessas histórias mal explicadas é que precisa ser tudo bem combinado: se alguém erra, dá a impressão de que todos estão mentindo. Imagine!
Pois descobriu-se que a primeira-dama da Bahia, Fátima Mendonça, enfermeira de profissão, esposa do governador petista Jaques Wagner, tem salário mensal de R$ 14.632, como assessora de supervisão geral da Coordenação de Assistência Médica do Tribunal de Justiça de Salvador. Aí as peças começam a se desencaixar: a assessoria de Imprensa de Fátima Mendonça diz que ela está licenciada desde 2007, quando assumiu o comando das Voluntárias Sociais, cargo tradicionalmente reservado às primeiras damas. A assessoria de Comunicação do Tribunal diz que ela não está licenciada, não: desenvolve projetos relacionados a menores “em situação de vulnerabilidade”, e que ser presidente das Voluntárias Sociais “não a descredencia de suas atividades profissionais”. Licenciada ou não, o salário continua sendo pago à esposa do governador. E é um belo reforço à receita do casal: somando-se o que ambos recebem do Estado, dá uns R$ 40 mil.
É um acréscimo muito bem recebido. Jaques Wagner está pagando a residência onde vai morar no fim de seu mandato, em 2014, no Corredor da Vitória, elegantíssima região de Salvador. O preço da Mansão Leonor Calmon, segundo informações oficiais, foi de R$ 3,7 milhões.
Para quem começou como técnico de manutenção de petroquímica, entrou no PT e em sindicatos e depois só exerceu cargos públicos, é um bom exemplo de quem se esforçou e cresceu na vida.

domingo, 29 de julho de 2012

Vamos para a Prisão?

Certamente que esse tal auxílio foi criado pelos "petralhas", pensando no dia em que a justiça será feita e toda "cumpanheirada" será, finalmente, encarcerada!! Vejam o absurdo abaixo:



E CONFIRAM OS VALORES
DIVULGUE AO MÁXIMO
Incrível !
As Centrais Sindicais chiaram com o "aumento" do salário mínimo p/ R$ 622,00, porém não estão discordando do aumento do "salário presidiário"  para R$ 915,05 !Será que os sindicalistas e os governantes do Brasil acreditam que um criminoso merece uma remuneração superior a de um trabalhador?
A REFERIDA PORTARIA JÁ FOI REVOGADA PELA DE Nº 333, DE 1º/06/2010 NA QUAL O VALOR DO SALARIO FAMILIA PRESIDIARIO PASSOU A SER DER$915,05.E TEM MAIS. . . NO CASO DE MORTE DO"POBRE PRESIDIÁRIO", A REFERIDA QUANTIA DO AUXÍLIO- RECLUSÃO PASSA A SER "PENSÃO POR MORTE". O GRANDE LANCE É ROUBAR OU MATAR PARA SER PRESO E ASSIM SUSTENTARCONDIGNAMENTE A SUA PROLE. ISTO É INADMISSÍVEL ! 
INCENTIVO À CRIMINALIDADE ! Você sabe o que é o AUXÍLIO RECLUSÃO
Todo presidiário com filhos tem direito a uma bolsa que, a partir de 1/1/2012 é de R$915,05 por filho 
para sustentar a família, já que o coitadinho não pode trabalhar para sustentar os filhos por estar preso. Mais que um salário mínimo que muita gente por aí rala pra conseguir e manter uma família inteira.

Ou seja, (falando agora no popular pra ser entendido)
Bandido com 5 filhos, além de comandar o crime de dentro das prisões, comer e beber nas costas de quem trabalha e/ou paga impostos, ainda tem direito a receber auxílio reclusão de R$4.575,25 da Previdência Social.
Qual pai de família com 5 filhos recebe um salário suado igual ou mesmo um aposentado que trabalhou e contribuiu a vida inteira e ainda tem que se submeter ao fator previdenciário?
Mesmo que seja um auxílio temporário, prisão não é colônia de férias. Isto é um incentivo a criminalidade. Que políticos e que governo é esse? Não acredita?
Confira no site da Previdência Social.

Portaria nº 02, de 06/01/2012, do INSS (É UM ABSURDO!!!)



Pergunto-lhes:


1. Vale a pena estudar e ter uma profissão?
2. Trabalhar 30 dias para receber salário mínimo de R$622,00, fazer malabarismo com orçamento pra manter a família?
3. Viver endividado com prestações da TV, do celular ou do carro que você não pode ostentar pra não ser assaltado?
4. Viver recluso atrás das grades de sua casa?
5. Por acaso os filhos do sujeito que foi morto pelo coitadinho que está preso, recebe uma bolsa de R$915,05 para seu sustento?
6. Já viu algum defensor dos direitos humanos defendendo esta bolsa para os filhos das vítimas? 
MOSTRE A TODOS O QUE OCORRE NESSE PAÍS!




E então, vamos pra Cadeia?

O Sabor da Impunidade

Estava vendo um programa agora pela manhã e a reportagem me chamou a atenção: as cisternas plásticas ou de fibra, distribuídas pelo Governo do Piauí, não duravam nem um dia, se expostas ao sol. Aconteceu com um produtor que recebeu a tal cisterna e no mesmo dia rachou toda. Levaram outra para efetuar a troca e ele rejeitou. Preferiu fazer uma cisterna à moda antiga, com tampa de cimento. A "grande" empresa é a AQUALIMP, com sede em Petrolina PE. Até quando vamos ter empresários roubando nosso dinheiro e se limitando a emitirem notas à imprensa anunciando providências? Pelo que sabemos, todo produto após fabricado passa pelo Controle de Qualidade da empresa. Será que na AQUALIMP,  de Petrolina, o tal controle deixa de existir quando seus produtos são vendidos a órgãos governamentais? Pelo visto, existem duas pontas nessa roubalheira: a que vende e a que compra, sabendo certamente  da (má)  qualidade do produto. Esse Brasil da safadeza constante me envergonha e muito.

Lobinha, Raposa, Picareta... Escolha!

Essa eu não vou comentar...!



Estamos ferrados com os nossos políticos!!! 

 Assunto: Essa deputada Lobão INCRIVEL - A FARRA COM O DINHEIRO PÚBLICO


"É Fundamental diminuir a distância entre o que se diz e o que se faz, de tal forma que, num dado momento, a tua fala seja a tua prática " ( Paulo Freire)
FAZER O QUÊ! ENQUANTO EXISTIR CAVALOS SÃO JORGE NÃO ANDA À PÉ.

REPASSANDO...
Recebi isso ontem e ainda não estou acreditando...


E para quem acredita que o Brasil é realmente uma democracia, eu digo que isto aqui não passa de uma capitania hereditária, mambembe daquelas bem furrecas e caras .
O povão vai votar, mas permanecem no poder sempre os mesmos e seus herdeiros.
A velha da foto, que mais parece um traveco decadente, é a deputada Nice Lobão. Nada mais do que a mulher do senador e sinistro Edson Lobão e mãe do Senador lobão filho.
A véia piloto de provas de vassoura tirou nada menos do que 82 licenças médicas só no ano de 2011, e dos 101 dias de trabalhos na câmara ela apareceu em 19.
Mesmo licenciada e afastada ela continua recebendo seus vencimentos em média de R$ 100.000,00 ao mês e mais R$ 470.000,00 em verbas diversas.
Uma baba de 1.670.000,00 para quem trabalhou efetivamente 19 dias em 2011. Ou (+-) R$ 88.000,00 por dia trabalhado.
A família Lobão está fazendo o pé de meia as custas de eleitores burros que ainda votam sem entender para que serve uma eleição. E a imoralidade, a farra do dinheiro público, e a bandalheira continuam correndo soltas no país do futebol.
Da maneira que vai o Brasil não aguenta o repuxo sem quebrar a banca, o que se desvia, se rouba se superfatura, e o que se paga em salários exorbitantes para político vagabundo fazer de conta que trabalha é uma imoralidade. E com a situação econômica mundial a pocilga não segura o rojão.
Tem que fechar esse congresso urgentemente. Temos que começar do zero com leis mais inteligentes e menos corporativas, pois de democracia só temos a "obrigação" de votar porque do resto é feudalismo, hereditariedade e muita ditadura disfarçada.


sábado, 28 de julho de 2012

Atiradores de Elite!

É impressionante o nível de burrice da maioria dos candidatos à reeleição e ao primeiro mandato!! Há muito tempo eu considerava que a reeleição era a única forma de um gestor mostrar a sua capacidade laboral. Sim, porque ao deixar o cargo, seus antecessores normalmente deixavam prefeituras e estados com o pires na mão. Daí a necessidade de no primeiro mandato "arrumar a casa" e no segundo, aí sim, mostrar que é realmente competente. Ledo engano!! Vi essa história com o FHC, com o aloprado do Lula, com o pior prefeito do Brasil, João Henrique, de Salvador, etc. Em Jacobina, por exemplo, a Valdice Castro, quando assumiu, fechou alguns postos do PSF, numa demonstração absoluta de descaso pela população. Diziam as boas línguas da época que era para aumentar o movimento do Hospital Antonio Teixeira Sobrinho, de propriedade do seu esposo, Leopoldo. Não posso afirmar mas os comentários ecoaram por toda cidade. Fechou também algumas unidades do programa do governo federal que incluía o jovem na era digital. A principal ação foi em Lages do Batata, onde os computadores foram simplesmente levados por prepostos da prefeitura. Agora, no apagar das luzes, começou a recuperação asfáltica das ruas do centro da cidade, após três anos e meio de abandono. Aí vem o candidato a Anta do Ano, Amauri Teixeira, dos Petralhas, e consegue embargar essa obra!! Imagine: um não faz e quando começa vem outro e impede o prosseguimento das obras. Quem é pior? Esse mesmo candidato a Anta do Ano tentou embargar um concurso realizado pela prefeitura de Jacobina, alegando manobra política. Muito bem: por que não embargou o tal concurso quando da publicação do seu Edital? Por que esperou que os candidatos pagassem a inscrição, estudassem, prestassem provas e vivessem dias de ansiedade aguardando o resultado? E quando sai finalmente o resultado, o candidato"sem noção" tenta embargá-lo! Os dois deram ou não um tiro no pé? E o candidato a Anta do Ano fez pior: atirou nos dois pés e deixou a prefeita Valdice na boa: "a responsabilidade pela não conclusão da pavimentação asfáltica é dele!!" - ela pode alegar. Quanta burrice!! E, como não poderia faltar, minha cidade!! em quatro anos nosso prefeito, em convênio com a Caixa Econômica Federal fez uma grande obra: a limpeza do Rego do Missionário, o que causou enormes prejuízos às pessoas que moram vizinhas ao tal canal, pois tiveram suas casas afetadas pela obra, algumas com rachaduras enormes e com iminente risco de desabamento. Até hoje não houve solução. Agora, a obra mais importante, acredito eu, do atual governo: encascalhamento da estrada Mairi/Angico. Olha, é muita coisa prá ser feita em quatro anos!! Não acham?   "Quando acabar, o maluco sou eu!!" - Grande Raul Seixas!!

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Obrigado pelo Elogio!!

Já disseram que "copiar o que é bom  é uma forma de elogio..." Concordo em parte. Quando não se tem capacidade de criar, pode-se apelar para esse recurso. Há algum tempo atrás, bem antes das convenções municipais, manifestei meu claro apoio à candidatura de Raimundo Dentista e Aliomar para a Prefeitura de Mairi. E isso fazemos porque o nosso regime de governo nos permite externar nossas simpatias e apoios políticos a qualquer pessoa que nos pareça ideal. Já mudei algumas vezes meu voto por achar que a fidelidade partidária é uma "pêia" que não nos deixa caminhar com passos mais largos, em busca de melhorias para o Município, Estado e União. Não considero inteligente a atitude de um determinado eleitor falar que vai "votar naquele cachorro pra não votar contra o Partido!!!" Como uma pessoa que não serviu para ser teu amigo pode servir para governar o destino do teu município e, consequentemente, o teu? Temos de votar nas pessoas que acreditamos serem as melhores para conduzirem os destinos dos munícipes. Mesmo que pra isso você precise rever alguns conceitos, fazer novas avaliações e, a partir daí, com clareza, fazer a escolha. Quando a disputa, ainda em comentários, começou, fiz uma postagem nesse espaço oferecendo 12 (doze) motivos para as pessoas votarem em Raimundo Dentista. Hoje, existe um candidato a vereador que no verso do seu "santinho" oferece 15 (quinze) motivos para que você o eleja!! Acho que vocês têm que ter cuidado!! Um candidato que não tem capacidade criativa certamente não terá capacidade legislativa!! Sinto-me homenageado pelo candidato ao me copiar mas, de coração, agradeço a distinção. Se tal candidato fizer questão de continuar ainda me copiando, posso lhe dar 144 (cento e quarenta e quatro) ou  UMA GROSA de motivos para ele não fazê-lo! Que busque, dentre os anencéfalos que o cercam, um pingo de inspiração. Ou, que tente me contratar como "marketeiro!!" Vai saber...!

O Bezerro FLEX!!

"Pense num absurdo, acontece em Mairi!!" Parodiando o Governador Antonio Balbino, sobre a Bahia, se é que  não tenho um alemão assediando minha memória!! (he he) Imaginem que num lugar público da minha querida cidade, alguém ouviu o papo entre um "ilustríssimo" edil e um público que, sem que ele percebesse, ficou atento ao que iria falar, porque, certamente, alguma "pedrada" viria. E não deu outra:
- "Dispois nóis duvida das coisa da vida...! Meu vaquêro, muitcho pocupado c'um bizrerrin que num alevantava do chão, me falô módi eu comprá os remédio prá vê se savava o bichim. Aí eu me alembrei que me insinaro gasulina pro ispinhaço dos animá nessa condição. Já tinha gastado mais de 600 real e num via mióra. Mandei ele comprá um lito de gasulina e derramei no ispinhaço do bizerro e fumo imbora. Num é que dois dia dispois o bichin tava impé?" 
Todos se olharam espantados e um, mais engraçado, perguntou: "Se não achar gasolina pode usar Etanol?"
- "...Pode ser, né?" - Respondeu inseguro.
Aí não deu outra: "Vereador, quer dizer que o senhor é a única pessoa no mundo que tem um BEZERRO FLEX?" E todos riram e saíram. 
Sorria, você está em Mairi!!!

sábado, 21 de julho de 2012

Sábios Conselhos!!



 
 Outdoor do Citibank em SP

 

Campanha publicitária do Citibank espalhada pela cidade de São Paulo através de Outdoors:

"Crie filhos em vez de herdeiros."
"Dinheiro só chama dinheiro, não chama para um cineminha, nem para tomar um sorvete."
"Não deixe que o trabalho sobre sua mesa tampe a vista da janela."
"Não é justo fazer declarações anuais ao Fisco e nenhuma para quem você ama."
"Para cada almoço de negócios, faça um jantar à luz de velas."
"Por que as semanas demoram tanto e os anos passam tão rapidinho?"
"Quantas reuniões foram mesmo esta semana? Reúna os amigos."
"Trabalhe, trabalhe, trabalhe. Mas não se esqueça, vírgulas significam pausas..."
"...e quem sabe assim você seja promovido a melhor ( amigo / pai / mãe / filho / filha / namorada / namorado / marido / esposa / irmão / irmã.. etc.) do mundo!"
"Você pode dar uma festa sem dinheiro. Mas não sem amigos."

E para terminar:

"Não eduque seu filho para ser rico, eduque-o para ser feliz. Assim, ele saberá o valor das coisas e não o seu preço."

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Mairi News: Mairi - Bateria caseira para treinamento.

Olha aí pessoal, grande sacada dessa galera. Sabemos que o simulador de bateria é caro. Aí está a solução perfeita: barato e com o que você precisa para malhar e desenvolver ou aprimorar técnicas. Muito legal. Parabéns ao Daniel e ao Marquinhos e também ao Mairi News por dar essa força à galera.



Mairi News: Mairi - Bateria caseira para treinamento.: Criadores Daniel e Marquinhos Descrição da Bateria:



 Esta bateria foi criada exclusivamente para melhorar seu desempenho no instrume...

quarta-feira, 18 de julho de 2012

"Os Predestinados"

Reparem as coincidências: nomes das cidades, partidos dos prefeitos e vices, vejam se não é uma coisa para predestinados? Westfália rima com o quê? Vendo ao fundo a foto da Presidenta, não se pode deixar de lembrar os "petralhas", canalhas, etc .

Divulgação/ Prefeitura de Westfália




  • O prefeito de Westfália (RS), Sérgio Marasca (à esquerda), do PT, ao lado de seu vice, Otávio Landmeier (PMDB). A dupla é candidata à reeleição sem adversários
    O prefeito de Westfália (RS), Sérgio Marasca (à esquerda), do PT,
     ao lado de seu vice, Otávio Landmeier (PMDB). A dupla é
    candidata à reeleição sem adversários








    • Nas eleições municipais de outubro os eleitores de Westfália (RS), município de 2.793 habitantes de acordo com o último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), não terão nenhuma dúvida na hora de escolher seu candidato à prefeitura da cidade. O único nome disponível será o do atual prefeito, Sérgio Marasca (PT), que repete a dobradinha vitoriosa em 2008 com seu vice, Otávio Landmeier (PMDB).
      De acordo com dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), 106 das 5.565 cidades brasileiras (ou 1,9% do total) terão candidato único nas eleições deste ano. A base de dados é a divulgada pelo TSE no dia 15 de julho. Nesses casos, além do nome de um candidato, restará ao eleitor apenas a opção de votar em branco ou anular o voto.
      Segundo a legislação eleitoral, para ser eleito prefeito, um candidato deve obter 50% de todos os votos válidos mais um voto, nas cidades com mais 200 mil eleitores. Nas cidades com menos eleitores do que este número, vence quem obtiver a maioria simples dos votos válidos. Nulos e brancos não são válidos. Assim, na prática, um candidato único só não é eleito se nem ele votar nele mesmo.                        
                                                                         ***********
      Esse é fatal: olhem o nome do município!!  Marmeleiro!!
      Nem o meu querido Paraná escapou.
      Em Marmeleiro, município do Paraná com 13.496 habitantes, a situação dos eleitores é a mesma. Na urna eletrônica, haverá apenas o nome do prefeito Luiz Fernando Bandeira, candidato à reeleição pelo PP.
      • O prefeito de Marmeleiro (PR), Luiz Bandeira, não tem adversários
      Ele disse não ter trabalhado pela candidatura única e que foi um encaminhamento natural.
      “A gente conversou com os partidos e fez sondagens antes de concluir que o melhor era eu ser o único candidato mesmo”, diz Bandeira.
      “É um sinal de que a administração é bem avaliada. Tentamos agradar a todos, e estamos conseguindo”, afirma o prefeito. “Agora, isso não significa que vamos relaxar no trabalho”, afirma Bandeira, ao admitir não existe nenhuma chance de não ser eleito.
      No Paraná, 16 cidades terão candidatos únicos a prefeituras. Em nove delas, os prefeitos tentam a reeleição.
      O Estado que mais terá candidatos únicos nas eleições municipais deste ano será Minas Gerais, com 21 munícipios.

      O Ilustre Desconhecido!

      Cheguei no domingo à noite em Santa Maria da Vitória e, depois de vários anos ausente, encontrei uma cidade bem mais bonita, a orla revitalizada entre os dois municípios (Santa Maria e São Félix do Coribe) que se assemelham a Juazeiro e Petrolina, guardadas as devidas proporções. Mas o fato é que, como cheguei à noite, o colega Carlos Lopes veio a estrada toda falando de uma tal ponte recentemente construída. Fiquei curioso e quando avistei as luzes da orla, vi um espetáculo da engenharia moderna: uma ponte/passarela com iluminação que muda de cor e tonalidade, causando um efeito meio de torpor aos espectadores. Linda, parecendo aquela da Avenida das Águas Espraiadas, em São Paulo e que também tem iluminação nos mesmos moldes. Novamente vamos guardar as devidas proporções. Mas o fato é que ficou muito bonita. O que não entendi, quando fui com os colegas ver de perto o monumento, foi encontramos uma placa com os nomes do Presidente Lula, Wagner, o Coronel do 4º BEC - Batalhão de Engenharia e Construções, do Exército Brasileiro, e o nome do Prefeito à época. E o criador, o mentor do belo monumento, por que não tem seu nome na tal placa? Um dos colegas que estavam comigo e que já foi militar, explicou-me que nessa esfera o nome que aparece é o do Comandante da Unidade, no caso 4º BEC.  É como se fôssemos inaugurar a estátua do primeiro transplantado cardíaco de qualquer das Armas e, em vez do nome do Cirurgião que efetuou a proeza, aparecer  o nome do seu Comandante. Minha ignorância me permite achar uma  injustiça!! Não acham?
      Quando retornar a Salvador postarei as fotos da ponte para vocês.

      Flagrantes de uma velha kodak!! Será?

      Foto se tira assim ... O resto é retrato.

      Aposto que essas fotos foram tiradas usando uma Kodak Instamatic 155 X. Quem já teve uma, compartilha!! ahahaha
      Descrição: cid:1.3649031808@web162001.mail.bf1.yahoo.com
      Descrição: cid:2.3649031808@web162001.mail.bf1.yahoo.com
                                Meu passarinho de estimação pescando prá mim em Mairi!! É sabido demais!



      Descrição: cid:3.3649031808@web162001.mail.bf1.yahoo.com
                                             Alguém faça alguma coisa senão esse tongo vira jantar!!

      Não Provoque Pessoas Inteligentes!!

      É PERIGOSO PROVOCAR PESSOAS
       INTELIGENTES.

      Na Câmara, ainda no Rio, quando seu presidente 
      Ranieri Mazzini deu a palavra a Carlos Lacerda,
       representante do Distrito Federal, o deputado
       Bocaiuva Cunha foi rápido e gritou ao microfone, 
      sob os risos do plenário: - Lá vem o purgante !
      Lacerda, num piscar de olhos, respondeu: 

      - Os senhores acabaram de ouvir o efeito !
      (Muito mais risos, até dos adversários...)

      ******************************
      Certa vez, Einstein recebeu uma carta da miss New Orleans onde dizia a ele:
      " Prof. Einstein, gostaria de ter um filho com o senhor...
      A minha justificativa se baseia no fato de que eu, como modelo de beleza, teria um filho com o senhor e, certamente, o garoto teria a minha beleza e a sua inteligência".
      Einstein respondeu:
      " Querida miss New Orleans, o meu receio é que o nosso filho tenha a sua inteligência e a minha beleza". 

      ******************************


      Quando Churchill fez 80 anos um repórter de menos de 30 foi fotografá-lo e disse:
      - Sir Winston, espero fotografá-lo novamente nos seus 90 anos...
      Resposta de Churchill:
      - Por que não? Você me parece bastante saudável...

      ******************************

      Telegramas trocados entre o dramaturgo Bernard Shaw e Churchill, seu desafeto.
      Convite de Bernard Shaw para Churchill:
      "Tenho o prazer e a honra de convidar digno primeiro-ministro para primeira apresentação de minha peça Pigmaleão. Venha e traga um amigo, se tiver." Bernard Shaw.
      Resposta de Churchill:
      "Agradeço ilustre escritor honroso convite... Infelizmente não poderei comparecer primeira apresentação. Irei à segunda, se houver."
      Winston Churchill. 


      ****************************** 
      O General Montgomery estava sendo homenageado, pois venceu Rommel na batalha da África, na 2ª Guerra Mundial.
      Discurso do General Montgomery:
      ' Não fumo, não bebo, não prevarico e sou herói '.
      Churchill ouviu o discurso e com ciúme, retrucou:
      ' Eu fumo, bebo, prevarico e sou chefe dele.'

      ******************************

      Bate-boca no Parlamento inglês .
      Aconteceu num dos discursos de Churchill em que estava uma deputada oposicionista, Lady Astor, do tipo Heloisa Helena do PSOL,   que pediu um aparte . 

      Todos sabiam que Churchill não gostava que interrompessem os seus discursos. 
      Mas, concedeu a palavra à deputada.
      E ela disse em alto e bom tom:
      - Sr. Ministro , se Vossa Excelência fosse o meu marido, eu colocava veneno em seu chá!
      Churchill, lentamente, tirou os óculos, seu olhar astuto percorreu toda a platéia e, naquele silêncio em que todos aguardavam, lascou:
      - Nancy, se eu fosse o seu marido, eu tomaria esse chá com prazer! **********************************************
       

      Habilidade é isso!!!

      Sem comentários...!

      O Engenheiro ordenou ao seu cachorro: 
      - Projeto, mostra as tuas habilidades!
      O cãozinho pegou num martelo, umas tábuas e num instante construiu um
      casinha para cachorros. Todos admitiram que era um façanha.

      O Contabilista disse que seu cão podia fazer algo melhor:
      - Cash Flow, mostra as tuas habilidades!
      O cachorro foi à cozinha, voltou com 24 bolinhos, dividiu os 24
      bolinhos em 8 pilhas de 3 bolinhos cada. Todos admitiram que era
      genial. 
      O químico disse que o seu cão podia fazer algo melhor:
      - Óxido, mostra as tuas habilidades!
      Óxido foi até ao frigorífico, pegou num litro de leite, umas bananas,
      colocou tudo no liquidificador e fez um batido. Todos aceitaram que
      era impressionante.
      O informático sabia que podia ganhar a todos:
      - Megabyte, vamos lá !
      Megabyte atravessou o quarto, ligou o computador, verificou se tinha
      vírus, redimensionou o sistema operativo, mandou um e-mail e instalou
      um jogo excelente. Todos sabiam que este era muito difícil de superar.
      Todos olharam para o político e disseram: E o teu cão, o que pode fazer?


      O político chamou o seu cão e disse:
       
      - Deputado, mostra as tuas habilidades!
      Deputado deu um salto, comeu os bolinhos, bebeu o batido, cagou na
      casinha, apagou todos os ficheiros do computador, armou a maior
      confusão com os outros cachorros, expulsou toda a gente exibindo um
      título falso de propriedade.
      Em seguida, alegou imunidade parlamentar...

      Ascensão à Jato!!

      Meus caros, vocês se esquecem da competência para multiplicar os pães, principal característica do PT! O Lulinha saiu do zoológico para comprar à vista, uma fazenda por R$60.000.000,00 (sessenta milhões de reais), conseguiu se associar a Duda Mendonça e Daniel Dantas em latifúndios no Pará, etc. Parem de criticar a competência dos "Petralhas", como fala o Augusto Nunes, da Veja. Abaixo, só mais uma demonstração da competência do nosso (des)governador e a sua Lei de "Irresponsabilidade" Fiscal! Não se esqueçam que o Pellegrino está rondando!!



      Gente - onde isso vai parar?

       
       
      Viva o PT da caça ao tesouro.
       
      É o fim do mundo! Um peão do Pólo Petroquímico, que trabalhava como operador de solda ou sei lá o quê, que provavelmente nem tem o curso ginasial, de uma hora pra outra compra um apartamento desse porte. Isso dá nojo na gente, porque sabemos que com o salário de governador ele não teria condições de comprar o apartamento.

      FOI COM O NOSSO DINHEIRO QUE ELE COMPROU!!!

      É uma vergonha... Wagner tem novo endereço de alto luxo. Pelo visto Palloci está fazendo seguidores!!!!Autor: Redação Bocão News
      Segundo o colunista Claudio Humberto, o governador Jaques Wagner está mudando de endereço. Quando deixar o Palácio de Ondina não volta mais para o aprazível Duque de Orleans, na Estrada de São Lázaro, na Federação, em Salvador, edifício que por muitos anos foi a morada preferida por políticos com cacique financeiro. O novo endereço, segundo o colunista de Brasília, será a "Mansão Leonor Calmon", no chique Corredor da Vitória, para onde estão se transferindo os novos ricos de Salvador, somando-se aos tradicionais que há muito escolheram o local como. È necessário dizer que o Banco do Brasil lhe deu uma "pequena bola" de R$500.000.000,00 (Quinhentos milhões de reais), para o governo transferir todas as Contas Correntes para recebimento dos salários dos Funcionários do Estado (aproximadamente 250.000),  do Bradesco para o Banco do Brasil.
      Ainda segundo Claudio Humberto, cada apartamento na Mansão Leonor Calmon a bagatela de R$ 3,7 milhões a R$ 5,2 milhões. O colunista diz que a mudança é o assunto do dia dos políticos em Brasília. Veja a íntegra da nota de Claudio Humberto publicada nesta quinta-feira (16):

      "Palocci fazendo escola?

      Políticos baianos não falam outra coisa: o governador Jaques Wagner (PT) vai morar no “Mansão Leonor Calmon”, um dos prédios mais luxuosos lançados no estonteante Corredor da Vitória, em Salvador. Cada apartamento, ali, custa entre R$ 3,7 milhões e R$ 5,2 milhões
      ".

      terça-feira, 17 de julho de 2012

      As Fotos Que Não Apareço!!

      Achei que acabara de me tornar algum tipo de celebridade mas me enganei, infelizmente! Achei que a fama de violeiro (rsrs) tivesse corrido mundo e alguém do Governo da Bahia, ligado a algum órgão da Cultura tivesse me procurado. Não foi! Há mais ou menos quinze dias, minha querida Amélia foi procurada por um amigo comum, onde ele perguntou o que estava acontecendo ou se "aconteceu alguma coisa?" Sem entender nada ela perguntou ao rapaz do que se tratava e ele explicou:
      "Ontem, mais ou menos 10:00 hs, estava passando pela sua rua e vi um carro do estado parado com o motorista ao volante e uma mulher fotografando tua casa de vários ângulos. Até do Beco de Barreto ela tirou fotos! Parei a moto e observei todo movimento. A janela estava entreaberta e depois da seção de fotos entrou no carro e foi embora. Só aí percebi que o motorista não era Orlando. Mas pude ver bem a fisionomia!"
      Bom, já perceberam que de certa forma fiquei famoso. Imaginem uma seção de fotos onde o principal "ator" está ausente do cenário? Imagino, por outro lado, tratar-se de alguma fã mais   fervorosa e que não teve a paciência de aguardar a minha chegada, ou, na pior das hipóteses, não queria que Amélia soubesse que ela gosta tanto de mim a ponto de fotografar minha casa! Óbvio que estou orgulhoso! Até arrisco um palpite de quem possa ter sido. O recado é: princesa, se sentir saudade, marca nova seção de fotos para que eu apareça e complete a sua felicidade! Se é que Baranga pode ser feliz alguma vez na vida!!

      segunda-feira, 16 de julho de 2012

      A Evangélica(???) Collorida!

      Vocês viram a entrevista da Rosane no domingo? Agora virou brincadeira: a Globo, por perder audiência seguidamente para outros programas dominicais no horário do chato Fantástico, resolveu investir em quem, como ela (Globo), está fora da mídia ou com as lâmpadas dos seus holofotes queimadas. Foi assim com a entrevista da Xuxa onde a loira que até hoje explora baixinhos sem ser por isso incomodada, contou durante vários minutos alguns pormenores da sua adolescência tão menores que quem assistiu por expectativa chegou a se irritar. E a repercussão da malfadada entrevista foi imediata. Bom, pelo menos ela teve seu espaço no horário nobre. Agora vem a Rosane, prá variar querendo aparecer, falando abobrinhas sobre o ex-marido e tentando emplacar um livro de sua autoria  com a participação de um jornalista. Ou seja, além de levar R$18.000,00 de pensão mensais ainda quer que os brasileiros acreditem que o que ela tem a oferecer, em termos de novidade, vai interessar a alguém!! Não estou defendendo o Collor não!! Apenas acho que as pessoas deveriam ter um pouco mais de dignidade e não se jogarem ao ridículo em rede nacional, apenas com a intenção de se dar bem financeiramente. Deplorável. A sua conversão para evangélica deve ter sido numa dessas igrejas que só falam do crescimento material. O espiritual que se dane! Outra atitude deplorável. Sinceramente, isso parece picuínha de ex-mulher ressentida. Tá rebocado que é! Se gosta tanto de dinheiro, por que não vai trabalhar em vez de querer depenar o ex-marido? Será que sabe fazer alguma coisa? Sim, porque até um livro de mágoas e ressentimentos não sabe escrever, precisando do auxílio de um jornalista!? "Dormindo Com o Inimigo II". Já viram esse filme? Eu, o Collor, o Celso Pitta etc, já. Vejam abaixo um trecho de sua fala, transcrito pela Veja:


      Entrevista de Rosane Collor ao 'Fantástico' serve apenas para divulgar livro

      Em quase meia-hora de vídeo, a ex-primeira-dama conta que o ex marido Fernando Collor fazia magia negra regada a sangue de bois e vacas, reclama da pensão de 18.000 reais que recebe e conta de sua conversão à 'Jesuicidência'

      "Tenho amiga que não foi casada com um ex-presidente nem com um senador da República e recebe 40.000 reais", disse a ex-primeira-dama, que briga na Justiça por um valor maior. Ao que tudo indica, Rosane, que hoje é evangélica, não está livre das tentações materiais.


      A Guerra que Lula não viu!

      O Augusto Nunes, de Veja, traz uma reflexão interessante sobre o regime de concubinato entre o governo brasileiro e as FARC, da Colômbia, financiadas pelo "companheiro" Chávez. Vejam abaixo trechos do artigo.



      O País quer Saber

      13/07/2012
       às 14:42 \ O País quer Saber

      A história do tenente colombiano condenado pelos narcoterroristas das FARC ao horror que não tem prazo para terminar

      PUBLICADO EM 9 DE AGOSTO DE 2010, UM ANO E QUATRO MESES ANTES DA EXECUÇÃO DE ELKIN RIVAS PELAS FARC, ORGANIZAÇÃO NARCOTERRORISTA QUE SEMPRE CONTOU COM O APOIO DO PT E A PROTEÇÃO DO GOVERNO LULA

      Elkin Rivas, aos 22 anos
      Ele não dorme numa cama há quase 12 anos. Atravessa as noites acorrentado pelo pescoço, pelos braços ou pelas pernas a um tronco de árvore, com o corpo estendido sobre uma camada de plástico fino como o dos sacos de lixo, exposto a picadas de insetos ou ataques de animais da selva. Há 143 meses não vê televisão, não usa computador, não lê revistas nem jornais, não conversa sem restrições sobre qualquer assunto. E está proibido de manter relações sexuais há mais de 4 mil dias.
      Sequestrado pelas Farc em 13 de outubro de 1998, Elkin Rivas sobrevive há quase 100 mil horas ao mais brutal dos cativeiros. Ele tinha 22 anos e era tenente da polícia colombiana quando foi capturado sem ter cometido qualquer crime e sentenciado, sem julgamento formal, a um tipo de horror que não tem prazo para terminar. Aos 34, não sabe quando ─ ou se ─ retomará a vida interrompida. Enquadrado na categoria dos “reféns políticos”, Elkin é um dos 13 remanescentes do grupo cuja soltura as Farc condicionam desde 2006 ao indulto de 500 narcoterroristas capturados pelo governo e condenados pela Justiça.
      O governo de Álvaro Uribe recusou a troca quando os cativos eram 60 e incluía senadores, entre os quais a ex-candidata à presidência Ingrid Betancourt, vários deputados, um general e até três agentes americanos. É improvável que o presidente Juan Manuel Santos aceite um acordo agora que só restaram oficiais de baixa patente. Se tiver muita sorte, uma operação  militar poderá devolver a Elkin o direito de ir e vir. Mas nada lhe devolverá o que perdeu além da liberdade.
      Perdeu para sempre os melhores anos da mocidade. Ao contrário de todos os amigos que continuaram longe da selva, não pôde namorar, casar-se, ter filhos, conversar nas mesas dos bares, conviver com a família, ir ao cinema, dançar, jogar futebol, comer o prato preferido, comemorar o aniversário ─ foram-lhe confiscados todos os pequenos prazeres inseparáveis do ato de viver. Se o tempo na selva escorre com apavorante lentidão para todos os sequestrados ─ mais de 600, calcula-se ─ o mundo segue seu curso com velocidade crescente. E mudou de século e de cara entre o outono de 1998 e o inverno de 2010(...)



      “O Brasil tem uma posição neutra sobre as Farc”, disse ao jornal francês Le Figaro o conselheiro presidencial Marco Aurélio Garcia. Como se não fosse obscena a neutralidade que iguala um governo constitucional a um bando narcoterrorista. O presidente Lula faz de conta que nunca houve o desafio reiterado pelas Farc desde 1964.  “Nós não temos guerras neste continente”, recitou o chefe de governo ao candidatar-se a mediador da crise que envolve a Colômbia e a Venezuela. “Só existem conflitos verbais”. São declarações deploráveis, retrucou Uribe.
      O adjetivo é brando. Como advertiu o presidente colombiano, quem não enxerga nas Farc uma ameaça intolerável à democracia é, na hipótese mais misericordiosa, um comparsa de liberticidas e um cúmplice de carrascos. Se não há guerra, como fantasia Lula, então não há prisioneiros de guerra. Os elkins acorrentados na selva, portanto, não existem.
      Enquanto um jovem colombiano tentava dormir acorrentado, o palanqueiro profissional desfrutou os oito melhores anos de sua vida. É demais cobrar compaixão de quem não sabe o que é isso. Mas os homens decentes devem exigir que Lula pelo menos interrompa o espetáculo do cinismo.
      Elkin Rivas, aos 34 anos
      EM 26 DE NOVEMBRO DE 2011, O TENENTE ELKIN RIVAS FOI EXECUTADO PELOS SEQUESTRADORES, DURANTE UMA TENTATIVA DE RESGATE FEITA PELO EXÉRCITO COLOMBIANO. MORREU IMOBILIZADO POR CORRENTES NOS BRAÇOS E NAS PERNAS. O GOVERNO BRASILEIRO NÃO SE MANIFESTOU SOBRE O ASSASSINATO.

      Para Refletir!

      Mãe e Filha: quem tem razão? (Maria Lúcia Dahl)


      Uma é mãe, a outra é filha. Uma, a extensão da outra, difícil destino que se entrelaça,
      revolta, recusa-se, esperneia, reflete-se, trapaceia. Uma é a outra amanhã, outra foi
      aquela ontem. Uma sabe, intui, adivinha o que a outra esconde, inverte, imita, finge que
      não é. Uma menina, outra mulher.
      Brincando de casinha de boneca, procurando estrela do mar, fazendo castelo,
      aprendendo a nadar.
      -Não quero comer, não quero.
      -Come os legumes, eu espero. Olha só o aviãozinho. Anda, vai logo, come, se não, o
      aviãozinho some!
      À noite a mãe conta história. A filha tem medo da bruxa.
      -Que maldade, mamãe, puxa!
      -Não tem que se preocupar! Branca de Neve caiu dura, mas chega o Príncipe e a coisa
      toda muda de figura!
      Se a mãe sai, a filha lhe deixa bilhetes presos na parede e fica esperando a mãe,
      balançando-se na rede.
      -Espera, não lê agora. Ainda não está na hora. Assim que a gente deitar, você pode
      começar.
      Saem, riem se completam. Não querem saber de ninguém. Ficam as duas muito bem.
      A mãe veste a blusa da filha, a filha, a saia da mãe. Mães e filhas refletidas numa
      inversão divertida.
      Mas a filha vai crescendo e a mãe nem vai percebendo.
      A mãe corta o cordão umbilical da filha quando nasce. A filha, quando adulta, corta os
      laços. A mãe, pra existir, se dá à filha. A filha, pra poder viver, a rejeita.
      Em que momento da vida deixaram de ser cúmplices? Quando é que pararam de se
      divertir? Contar histórias? Trocar de roupa, rir? Desde quando que a mãe chora?
      Quando é que a filha foi embora?
      Uma já viveu, ao seu modo o que a outra vive agora.
      A filha é a criança da mãe. A mãe, o super-ego da filha.
      A filha se enche de inpaciencia diante da mãe, a mãe, de dor pela filha. Ambos os
      sentimentos se extrapolam em ninharias ridículas. Uma fez isso, outra, aquilo. Uma agiu
      assim, outra assado.
      -Olha, mãe, tudo acabado.
      -Quem tem razão, as mães ou as filhas?
      A filha não agüenta mais nada. A mãe sempre agüenta mais uma. As dores são ondas
      que oscilam de intensidade. Uma ou outra mais forte, tira-lhe o fôlego, joga-a no chão.
      Nada que não a faça voltar à tona, ver de novo a onda verde, retomar a respiração.
      A filha nada contra a mesma maré que um dia embrulhou a mãe. A mãe estende-lhe a
      mão, delicada.
      A filha recusa, indignada..
      -Me deixa nadar sozinha.
      Sempre a mesma ladainha...
      Quantas ondas grandes a mãe teve que furar? Quantas arrebentações driblar? Onde
      estará ela, a filha? Ali boiando, esquecida, e a mãe a se preocupar que se afogue, nas
      ondas verdes da vida.
      -Me empresta o carro pra eu ir à festa?
      -Por que não põe uma roupa mais transada, uma blusa decotada, um vestido de outro
      tom? Minha filha, não acredito: cê vai sair sem baton?
      -Ai, meu saco, vou-me embora. Dá pra me emprestar agora?

      -Depois dorme aqui, vê se come...
      -Esquece. Não quero ficar.
      -Pena...tinha tanta coisa pra contar...
      -Ora, mãe, pára de fazer drama. Ce quer mesmo é cair na cama...
      -Vai de novo viajar?
      -E você, me controlar? Saco! Ta mais que na hora! Escuta, mãe, vou-me embora..
      -Não esquece de apagar a luz, fechar a porta...cuidado com a violência...
      -Ai, mãe, tenha paciência...
      Em cima da mesa um bilhete: “mãe, desculpe o mau humor, mas é que eu ando uma
      pilha!”
      Quem tem razão? As mães ou as filhas?

      Ainda há pessoas decentes!!

      Por que a grande mídia não divulga uma coisa destas?


      Atitude digna precisa ser reconhecida e reverenciada! Homem digno esse bispo! Aplauso para ele.
      BISPO CATÓLICO CONSTRANGE SENADO FEDERAL

      Bispo recusa comenda e impõe constrangimento ao Senado Federal Num plenário esvaziado, apenas com alguns parlamentares, parentes e amigos do homenageado, o bispo cearense de Limoeiro do Norte, Dom Manuel Edmilson Cruz, impôs um espetacular constrangimento ao Senado Federal, ontem. Dom Manuel chegou a receber a placa de referência da Comenda dos Direitos Humanos Dom Hélder Câmara das mãos do senador Inácio Arruda (PCdoB/CE). Mas, ao discursar, ele recusou a homenagem  em protesto ao reajuste de 61,8% concedido pelos próprios deputados e senadores aos seus salários. “A comenda hoje outorgada não representa a pessoa do cearense maior que foi Dom Hélder Câmara. Desfigura-a, porém. De seguro, sem ressentimentos e agindo por amor e com respeito a todos os senhores e senhoras, pelos quais oro todos os dias, só me resta uma atitude: recusá-la”. O público aplaudiu a decisão. O bispo destacou que a realidade da população mais carente, obrigada a enfrentar filas nos hospitais da rede pública, contrasta com a confortável situação salarial dos parlamentares. E acrescentou que o aumento é um atentado, uma afronta ao povo brasileiro, ao cidadão contribuinte. Fere a dignidade do povo brasileiro que com o suor de seu rosto santifica o trabalho diário.

      domingo, 15 de julho de 2012

      A Nestlé Presta?

      Sabemos que num País de políticos ladrões e corruptos, quem tem cacife literalmente manda. Leiam essa matéria e concluam.



      Repassando... 
       
       
      (Na Hungria havia uma fábrica de chocolates, que vendia para o mercado interno e exportava para os países vizinhos e todo o Leste Europeu. A Nestlé comprou a fábrica, botou todos os funcionários no olho da rua, demoliu as instalações e saiu do país. A Nestlé não quer concorrência. Se houver...)
       

       
                                                   
                        
                                  Nestlé mata Água Mineral São Lourenço
                                           (As águas turvas da Nestlé)

                                   
           Há alguns anos a Nestlé vem utilizando os poços de água mineral de São Lourenço para fabricar a água marca PureLife.
           Diversas organizações da cidade vêm combatendo a prática, por muitas razões.
           As águas minerais, de propriedades medicinais e baixo custo, eram um eficiente e barato tratamento médico para diversas doenças, que entrou em desuso, a partir dos anos 50, pela maciça campanha dos laboratórios farmacêuticos para vender suas fórmulas químicas através dos médicos. Mas o poder dessas águas permanece. Médicos da região, por exemplo, curam a anemia das crianças de baixa renda apenas com água ferruginosa.

           Para fabricar a PureLife, a Nestlé, sem estudos sérios de riscos à saúde, desmineraliza a água e acrescenta sais minerais de sua patente. A desmineralização de água é proibida pela Constituição.

           Cientistas europeus afirmam que nesse processo a Nestlé desestabiliza a água e acrescenta sais minerais para fechar a reação. Em outras palavras, a PureLife é uma água química. A Nestlé está faturando em cima de um bem comum, a água, além de o estar esgotando, por não obedecer às normas de restrição de impacto ambiental, expondo a saúde da população a riscos desconhecidos. O ritmo de bombeamento da Nestlé está acima do permitido.

           Troca de dutos na presença de fiscais é rotina. O terreno do Parque das Águas de São Lourenço está afundando devido ao comprometimento dos lençóis subterrâneos. A extração em níveis além do aceito está comprometendo os poços minerais, cujas águas têm um lento processo de formação. Dois poços já secaram. Toda a região do sul de Minas está sendo afetada, inclusive estâncias minerais de outras localidades.

           Durante anos a Nestlé vinha operando, sem licença estadual. E finalmente obteve essa licença no início de 2004.

           Um dos brasileiros atuantes no movimento de defesa das águas de São Lourenço, Franklin Frederick, após anos de tentativas frustradas junto ao governo e à imprensa para combater o problema, conseguiu apoio, na Suíça, para interpelar a empresa criminosa. A Igreja Reformista, a Igreja Católica, Grupos Socialistas e a ONG verde ATTAC uniram esforços contra a Nestlé, que já havia tentado a mesma prática na Suíça.

           Em janeiro deste ano, graças ao apoio desses grupos, Franklin conseguiu interpelar pessoalmente, e em público, o presidente mundial do Grupo Nestlé. Este, irritado, respondeu que mandaria fechar imediatamente a fábrica da Nestlé em São Lourenço. No dia seguinte, no entanto, o governo de Minas (PSDB), baixou portaria regulamentando a atividade da Nestlé. Ao invés de aplicar multas, deu-lhe uma autorização, mesmo ferindo a legislação federal. Sem aproveitar o apoio internacional para o caso, apoiou uma corporação privada de histórico duvidoso.

           Se a grande imprensa brasileira, misteriosa e sistematicamente vem ignorando o caso, o mesmo não ocorre na Europa, onde o assunto foi publicado em jornais de vários países, além de duas matérias de meia hora na televisão. Em uma dessas matérias, o vereador Cássio Mendes, do PT de São Lourenço, envolvido na batalha contra a criminosa Nestlé, reclama que sofreu pressões do Governo Federal (PT), para calar a boca. Teria sido avisado de que o pessoal da Nestlé apóia o Programa Fome Zero e não está gostando do barulho em São Lourenço.

           Diga-se também que a relação espúria da Nestlé com o Fome Zero é outro caso sinistro. A empresa, como estratégia de marketing, incentiva os consumidores a comprar seus produtos, alegando que reverte lucros para o Fome Zero. E qual é a real participação da Nestlé no programa? A contratação de agentes e, parece, também fornecendo o treinamento.

           Sim, é a mesma famosa Nestlé, que tem sido há décadas alvo internacional de denúncias de propaganda mentirosa, enganando mães pobres e educadores, para  substituir leite materno por produtos Nestlé, em um dos maiores crimes contra a humanidade.

           A vendedora de leites e papinhas "substitutos" estaria envolvida com o treinamento dos agentes brasileiros do Fome Zero, recolhendo informações e gerando lucros e publicidade nas duas pontas do programa: compradores desejosos de colaborar e famintos carentes de comida e informação. Mais preocupante: o Governo Federal anuncia que irá alterar a legislação, permitindo a desmineralização "parcial" das águas. O que é isso? Como será regulamentado?

           Se a Nestlé vinha bombeando água além do permitido e a fiscalização nada fez, como irão fiscalizar agora a tal desmineralização "parcial"? Além do que, "parcial" ou "integral", a desmineralização é combatida por cientistas e pesquisadores de todo o mundo. E por que alterar a legislação em um item que apenas interessa à Nestlé? O que nós, cidadãos, ganhamos com isso?

           É simples. Sabemos que outras empresas, como a Coca-Cola, estão no mesmo caminho da Nestlé, adquirindo terrenos em importantes áreas de fontes de água. É para essas empresas que o governo governa? Uma vergonha !!!
                                   
           Colabore. Transmita estas informações para outras pessoas e não consuma o que prejudica a saúde.

           Mais informações sobre o caso Nestlé em www.circuitodasaguas.org