terça-feira, 29 de maio de 2012

Frases Fantásticas!

Aí, para o vosso deleite, algumas frases proferidas pelos "Grandes Sábios da República Verde e Amarela". Presentes do Augusto Nunes e do Reynaldo Azevedo, de Veja.


Sanatório Geral

29/05/2012
 às 22:22 \ Sanatório Geral

Bandidagem republicana

“Fiz tudo o que achei que era republicano. O resto não fiz”.

Demóstenes Torres, durante o depoimento no Conselho de Ética do Senado, ensinando que só não é republicano matar o pai e vender a mãe.
29/05/2012
 às 20:22 \ Sanatório Geral

Casa do Espanto

“Redescobri Deus. Se eu cheguei até aqui, é porque readquiri a fé.”

Demóstenes Torres, durante o depoimento no Conselho de Ética do Senado, ensinando aos colegas pecadores da Casa do Espanto que há uma cachoeira de patifarias bem no meio do caminho que leva a Deus.
29/05/2012
 às 18:21 \ Sanatório Geral

Epidemia de sabujice

“Lula é ex-presidente da República, uma autoridade reconhecida no mundo todo, amado e querido por todo o povo brasileiro”.

Walter Pinheiro, líder do PT no Senado, explicando por que Lula merece acumular a chefia do Executivo, do Legislativo e do Judiciário, com direito a chantagear juízes que não façam o que o Mestre ordena.
29/05/2012
 às 16:21 \ Sanatório Geral

Senador do Lula

“Ninguém controla a CPMI. Só eu”.

Vital do Rêgo (PMDB-PB), presidente da CPI do Cachoeira, que pendurou numa parede do seu gabinete no Congresso um cartaz da campanha eleitoral com a inscrição VITAL, O SENADOR DE LULA, sobre a conversa do ex-presidente com o ministro Gilmar Mendes, garantindo que faz questão de transmitir pessoalmente as ordens que recebe do chefe.
29/05/2012
 às 14:25 \ Sanatório Geral

Companheiro em pânico

“Não tem sentido a quebra indiscriminada do sigilo da Delta. Não podemos fugir do foco. Não é uma CPI das empreiteiras”.

Jilmar Tatto, líder do PT na Câmara, fugindo da verdade que o país faz questão de conhecer como o diabo foge da cruz e o vampiro da luz do dia.
29/05/2012
 às 12:35 \ Sanatório Geral

Sherloque doidão

“Tomara que por trás disso não esteja uma tentativa de alguns, que, certamente, têm algo a prestar contas sobre a CPI do Seu Cachoeira, de quererem colocar um bode na sala”.

Jorge Viana, senador pelo PT do Acre, em aparte ao discurso do líder tucano no Senado, Álvaro Dias, sobre o encontro entre Lula e o ministro do STF Gilmar Mendes, insinuando que a reunião agendada por Nelson Jobim foi sugerida pelos governadores Agnelo Queiroz, Sérgio Cabral e Marconi Perillo e patrocinada pela construtora Delta, do benfeito Fernando Cavendish.
29/05/2012
 às 5:44 \ Sanatório Geral

Gente séria

“Vejo que aqui, quando há reunião secreta, o comportamento de alguns parlamentares é diferente em relação à reunião aberta. Na reunião aberta, quando há rádio, televisão e jornal, há sempre alguns que trabalham para sair na mídia, e não para investigar”.

Dr. Rosinha, deputado federal pelo PT do Paraná, em reação à declaração do deputado Fernando Francischini sobre tchutchucas e tigrões.

“Você quer me enfrentar?”

Fernando Francischini, deputado federal pelo PSDB do Paraná, ao chamar o colega Dr. Rosinha para um troca de socos e pontapés que decidiria qual dos dois é o tchutchuca e qual é o tigrão.
29/05/2012
 às 3:43 \ Sanatório Geral

Tigrões e tchutchucas

“Quando o relator faz perguntas sobre a Delta nacional e o governador Agnelo, ele é tchutchuca. Quando pergunta sobre o governador Perillo, ele é tigrão”.

Fernando Francischini, deputado federal pelo PSDB do Paraná, para o colega Odair Cunha (PT-MG), relator da CPI, sem explicar por que é tigrão quando faz perguntas sobre o petista Agnelo Queiroz e tchutchuca quando o assunto é o tucano Marconi Perillo.
29/05/2012
 às 0:02 \ Sanatório Geral

Caso grave

“A conversa entre o ministro Gilmar Mendes e o ex-presidente Lula, intermediada por Nelson Jobim, não é um caso de polícia, mas, sim, um caso de manicômio judiciário”.

Miro Teixeira, deputado federal pelo PDT do Rio de Janeiro, admitindo que quem não desencarna do Planalto merece usar uma camisa-de-força sobre a faixa presidencial imaginária.
28/05/2012
 às 19:49 \ Sanatório Geral

Gerente da CPI

“O Vaccarezza não seria uma boa solução. O seu poder de articulação é tão grande  que ele acabou se envolvendo com parlamentares comprometidos com esses esquemas”.

Lula, durante a conversa com Gilmar Mendes, ao explicar  por que nomeou Odair Cunha para o posto de relator da CPI do Cachoeira, informando que o governador Sérgio Cabral é só mais um entre os muitos companheiros com culpa no cartório que Cândido Vaccarezza costuma consolar com torpedos melosos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário