sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

O que eu quero ganhar de Natal!

Gostaria de NÃO ganhar “emoticons” de carinhas alegres que não existem! Gostaria de NÃO ganhar aquelas gargalhadas que de tão estrondosas não podemos ouvir, porque estão aprisionadas na tela fria de um Smartphone! Muito menos aquela risadinha “kkkkkkkk” que só se ver em redes sociais! NÃO gostaria de ganhar aquela mão do Facebook dizendo que está ou que sou “legal”! Também NÃO gostaria de ser convidado para uma “ceia” farta com um peru ou um leitão esparramado na grande mesa, dando a entender que todas as noites aquela fartura se repete! Também NÃO gostaria de receber mensagens de vídeo ou “Gifs” animados, tentando me fazer crer que quem me enviou realmente se lembrou de mim e que não foi só mais um compartilhamento para não ser considerado distante e frio! O que queria ganhar neste Natal é coisa bem simples, porém com um valor inestimável. Vejamos a listinha:
1 – Gostaria de me reunir com a família, sem a pretensão de fazer “A Ceia”, mas de fazer a verdadeira confraternização, onde os “emoticons” fossem substituídos por rostos vermelhos e suados, justamente porque a comemoração do reencontro seria uma verdadeira festa! A “Ceia”? Bem, essa poderia ser substituída por um franguinho mixuruca aos olhos dos abastados, mas que nenhum peru ou leitão traria tanto prazer!
2 – Gostaria de receber na cara a gargalhada exagerada de algum amigo ou parente. Isso me daria a certeza de estar entre pessoas prá lá de queridas, onde ninguém teria de se preocupar com o que dizer ou como se comportar! Só quem tem família numerosa e harmônica pode entender o valor desses encontros. É coisa pra ser lembrada o ano todo!
3 – Gostaria de estar entre parentes e amigos sem frescuras. Pessoas que na festa do reencontro de vez em quando irem na cozinha pra “roubarem” um pedacinho de qualquer coisa, só pra não perderem a oportunidade de arrancar reclamações sorridentes dos donos da casa! Gostaria também de poder abrir a geladeira e dela me servir. Nada mais idiota do que a pessoa estar na casa de um amigo e não poder, sequer, apanhar água! Que etiqueta é essa que não me deixa à vontade? Na minha casa meus amigos se servem. Até porque não sou empregado de ninguém!! Kkkkkk (sorriso frio,  pra variar)!
4 – Gostaria de receber as notícias e histórias “ao vivo e a cores”, contadas pelos protagonistas. Nenhuma mídia ou correio eletrônico, nenhuma rede social, por mais chique que seja, substitui o “olho no olho”, o “cara a cara”! Nenhuma escrita, por mais categoria que tenha o escritor substitui o “causo” contado ali, na sua frente pelo amigo! Sem contar que “ao vivo” você vê a capacidade dramática do seu canastrão preferido! É ímpar!

5 – Por último, não gostaria de ver um cara branco demais, vestido de vermelho e com uma barba branca, a me dizer “Ho ho ho”!! Isso não! Talvez a turma do Polo Norte o entenda. Aqui, eu gostaria de receber  amigos com as minhas origens africanas, com suas roupas batidas pelo uso e sua amabilidade. Maior que a sacola do “velho do Polo Norte”, onde cabem centenas de brinquedos, são os corações dos meus amigos/irmãos que cabem um mundo inteiro. E não aparecem só no Natal, mas durante o ano inteiro. É tudo o que quero pra este Natal. Dispenso o Papai Noel e as “Ceias” de uma noite só! Um abração a todos!

sábado, 16 de dezembro de 2017

Flamengo x Grêmio: vexames anunciados!

Como brasileiro, sofri duas derrotas imensamente amargas esta semana: quarta-feira, fui derrotado pela vergonha causada pelos jogadores do Flamengo ao desdenharem da medalha de Vice Campeões da Copa Sulamericana! Foi extremamente deselegante a forma com que os atletas receberam as medalhas. A maioria, sequer permitiu fosse colocada no pescoço. Meio que arrebatou das mãos de quem as entregava. E a culpa pela vice colocação foi só do time. Precisando ganhar por 2 gols de diferença, em casa e estádio mais que lotado, fez o primeiro gol e não teve competência para ampliar o placar e, no desespero e despreparo emocional, o cidadão faz um pênalti tolo e desnecessário no jogador argentino, acontecendo assim o empate de 1 x 1, resultado que daria o título ao Independiente! O que se viu depois do empate, foi tudo, menos futebol. Queria sim que o Flamengo ganhasse o título. Não torceria para argentino nenhum. Mas confesso que fiquei envergonhado com a atitude dos jogadores. Um time de primeira grandeza como o Flamengo não pode se comportar como time de várzea, mostrando que a placa exibida em alguns cantos do estádio dizendo "My Game is Fair Play", é mentira. Quando se entra numa competição a intenção é, claro, ganhar. Mas só poderá haver um ganhador! Portanto, comportar-se como grande time era o que se esperava do Flamengo. Se o time carioca fizesse 2 ou 3 gols, os argentinos certamente apelariam para a violência, como sempre fazem! Mas isso seria problema e marca registrada deles e não nossos! E olhe que, como às vezes fala o Arnaldo César Coelho, "O árbitro não interferiu no resultado"!! Portanto, sem desculpas. Quanto aos outros episódios antes, durante e depois do jogo, sem comentários. Era o Rio de Janeiro! A segunda derrota que sofri foi hoje. Não a perda do título mundial pelo Grêmio. Isso é o de menos, apesar de ter vindo para coroar a prepotência e arrogância do seu treinador, Renato Gaúcho! Durante a semana, em entrevista coletiva, o treinador, perguntado se ele se comparava a Cristiano Ronaldo, respondeu com outra pergunta: "Vocês me viram jogar? Não! Vocês vêem o Cristiano Ronaldo. Fui sim melhor jogador do que ele", concluiu. Fiquei ansioso para ouvir algum repórter perguntar, por exemplo, "Mr. Renato, quantas vezes o senhor foi eleito o melhor do mundo"?, mas não ouvi, para minha decepção. O Renato Gaúcho jogou muito sim. Mas dizer que jogou mais que o CR7 é uma pretensão maior que tudo. Não sou ligado a fatalidades ou coisas parecidas mas, pelo jogo de hoje, ficou barato 1 x 0 pro Real. O Grêmio, que se mostrou um time "jogando por música" até a partida contra o Pachuca do México, desafinou quase que totalmente hoje. Só não desafinou mais porque teve um goleiro salvador, um zagueiro "paredão" e outras peças da defesa que impediram, a muito custo e com muita garra, um placar mais elástico. O time do Grêmio saiu fortalecido, hoje, de Dubai. A prova foi o carinho da torcida no fim do jogo, reconhecendo que caiu de pé! Já o treinador, esse tem de colocar a cabeça no luxuoso travesseiro do não menos luxuoso hotel e refletir sobre suas declarações. Outro que foi perfeitamente idiota em suas declarações, foi o treinador do Real, Zidani. Durante a semana deu declarações dizendo que só conhecia "3 times do Brasil: Cruzeiro, Santos e Flamengo"! Pela estatística do Campeonato Mundial Interclubes, até a partida de hoje, o Brasil havia conquistado 10 campeonatos mundiais e a Espanha, 9. Com o resultado de hoje os dois Países estão empatados no número de conquistas. Como podemos ver, nem só os brasileiros são arrogantes e babacas! Bem feito!

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Promoção CDL Mairi é boicotada!!

"Pense num absurdo, na Bahia tem precedente"!! Quem disse essa verdade foi o Ex Governador da Bahia Otávio Mangabeira. Copiando o saudoso Governador, "Pense num absurdo, Mairi é campeã"!! É isso mesmo! Todas as lojas do mundo, todas as CDL's de todos os municípios, para estimular a venda no período natalino, normalmente fazem uma promoção onde distribuem vários prêmios, o que faz as pessoas gastarem sempre um pouco mais porque, para ganhar um cupom, o cliente precisa fazer uma compra a partir de "tanto"! Aqui em Mairi, capital mundial do absurdo, diz a campanha da CDL local que "a partir de R$30,00 (ou R$50,00, não sei ao certo), você ganha um cupom para concorrer a uma moto zero quilômetro..."! Ora, quem não quer ganhar algo num sorteio, ainda mais uma moto? Todo mundo quer! Pois bem: tem um supermercado aqui em Mairi que está boicotando a campanha. É um absurdo, mas não encontro outra justificativa para o que ocorreu ontem, quando fizemos as compras no valor aproximado de R$280,00. Teríamos, pelo critério dos R$30,00, mais ou menos 9 cupons. Se o valor mínimo for R$50,00, teríamos então 5 cupons. Após o pagamento a moça do caixa nos dá apenas 1 (HUM) cupom. Perguntei por que e ela me disse que era determinação da proprietária. "Um cupom para cada cliente"! Mas é esse o critério estabelecido pela CDL? Bem; ou o supermercado está boicotando a promoção de Natal da CDL ou está distribuindo os cupons com familiares. Sinceramente não acredito na segunda hipótese. Seria estúpido e mesquinho demais. Então, se os cupons estão vindo em número insuficiente, cabe ao supermercado mostrar, inclusive com a fita do volume de venda diário, a média mínima de cupons que o estabelecimento precisa! É ou não é? Tenho fama de ser "Sêo Lunga", aquele personagem nordestino que é bruto que só! Entendendo que a moça do caixa estava  apenas cumprindo ordens. Ridículas, mas ainda assim são ordens. Gentilmente devolvi o cupom a ela. Não agi como "Sêo Lunga" mas a minha recusa mostrou toda a minha indignação. Queria até que o pessoal da CDL se manifestasse. Alguém está devendo um esclarecimento plausível para tanto absurdo.

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Pra não perder a pose!!!

Se eu fosse Colunista Social de um jornaleco fofoqueiro qualquer, escreveria o texto que segue:
"Todos sabemos que o bairro da Graça, em Salvador, é um endereço prá lá de nobre. Só para lembrar, lá morava o ex Governador e Senador Antonio Carlos Magalhães. E lá também mora, não se sabe por quanto tempo mais, a "famiglia" Vieira Lima. Contam as boas línguas que a matriarca, D. Marluce, é pessoa de bom gosto e muito conhecida no "hight society" baiano. Frequentadora dos famosos saraus soteropolitanos, D. Marluce sempre desfilou com vestidos, óculos e jóias de grife, confirmando o seu bom gosto pelos produtos com assinaturas famosas. Nada de errado para quem tem dinheiro e bom gosto. Recentemente ela foi saindo de cena, com uma discrição que não combina com a ostentação de antes. A ponto da Madame Marluce receber uma visita de uma das suas amigas de chás e eventos chiques mais que desinformada. E a agradável conversa:
- Querida, há quanto tempo não nos vemos!! Meu Deus! Parece que fazem décadas...! E a resposta de nariz em pé da anfitriã:
- Tédio...! Puro tédio! Nada mais nesta cidade me interessa. Tudo ficou tão repetitivo..., tão sem glamour...! Prefiro Paris!
- Mas nem em Paris eu a vejo! Quando foi a última vez que lá esteve?
- Na verdade, nessa última temporada eu fui à Itália. Rever alguns lugares maravilhosos,,,, "tomar um banho de civilização", como dizemos.
- Senti sua falta no sarau dos "Procópio de Souza..."!
- Não fui porque não aguento mais tanta bajulação. Todos elogiando minhas jóias...! Até os meus óculos eles elogiaram certa vez!!
- ...Que aliás, vamos combinar: é um luxo mesmo!! - Sentindo-se meio incomodada com a inesperada visita, D, Marluce cruza as pernas para um sentar mais apropriado e chique, quando aparece no seu tornozelo bem trabalhado nas massagens, um adereço preto e largo que chamou imediatamente a atenção da "socialite" inoportuna:
- "Luce", não!! Pára tudo!! Que luxo é esse menina? Que jóia é essa que nunca vi você usando? Me fala: quem a esculpiu? Quero uma também!
- É uma tornozeleira, jóia muito usada pelo grupo mais que seleto do Rio de Janeiro. Na verdade, esse presente foi um mimo do meu caçulinha Geddel! Não é linda?"

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Cultura Africana combina com "Breganejo"?

Junto com a chuva de final da tarde de hoje, veio uma passeata do Colégio Estadual Abelardo Moreira, com algumas equipes animadas e esbanjando disposição. Como não tomamos conhecimento de nenhuma manifestação cultural, foi normal debruçar-nos na janela para apreciar o cortejo. Quando passaram em frente à nossa casa, pudemos ver que se tratava de algo ligado à Negritude, justamente por se aproximar o Dia da Consciência Negra. A equipe que aparentemente foi a vencedora,  a Equipe Mandela, numa homenagem mais que justa ao grande líder africano. Todos os alunos estavam com os rostos pintados com pintura nativa, como faz o bloco carnavalesco Timbalada, de Salvador. Muito bonito por sinal e a simetria entre os pontinhos brancos contornando os olhos  e narizes era perfeita. Duas coisas me chamaram a atenção: a primeira, o "grito de guerra", "Somos da Raça Negra", ou coisa parecida, soou um pouco estranho. Será que cada um dos Continentes tem uma ou mais raças? Se assim for e pela atitude dos alunos festivos de hoje à tarde, o Brasil tem a Raça Negra e outras tantas que não convém citar. Até porque não cabe nenhuma citação; que Raça somos? Brancos, Índios, Asiáticos, Afrodescendentes, etc? Somos todos RAÇA HUMANA! O que temos de diferente são as etnias, cada uma com suas peculiaridades. Mas ainda assim, somos da  RAÇA HUMANA! Acho que não cabe essa colocação, como não cabe comemorar a Consciência Negra apenas numa semana do ano! A Consciência Negra tem de estar viva e latente o ano inteiro, como a consciência de que somos Humanos irmãos e iguais, idem! Por mais que falem que sofrem discriminação e preconceito, algumas vertentes da negritude brasileira fazem questão de alimentar a segregação, como se de fato estivessem lutando para combater o preconceito. Tem sim muito afrodescendente se aproveitando do seu irmão para se projetar politicamente. É bom ficar de olho aberto em pessoas muito "bem intencionadas"! Outro ponto que achei o maior deslize, foi a música escolhida para a passeata: sequer tiveram o cuidado de buscar na vasta coleção de músicas apropriadas ao tema, Timbalada, Olodum, Araketo, Ilê Ayê, Daniela Mercury, etc. e etc., pra colocarem no carro de som uma música pra lá de ordinária, onde uma dupla do famoso e pobre "Breganejo", cantava, para delírio dos afrodescendentes de caras pintadas, "Ai que saudade do caramba que eu tô..."! É o fim da picada! Em seguida, fui pro quintal e  tomei meu primeiro banho de chuva do ano com o meu "parça" D Chuvisco! Melhor assim, né?

domingo, 5 de novembro de 2017

Igualdade ou depravação?

Temos o hábito nada salutar de copiar as coisas ruins de outros países: moda de gosto duvidoso, "way of life" idem, comportamentos e gírias, e por aí vai. Não me lembro de termos copiado dos Estados Unidos, por exemplo, a obrigatoriedade de trabalhar para o Estado, por parte dos presos condenados! Não vi o Congresso Brasileiro copiar o modelo político da Suécia, por exemplo! Também não vejo o trabalho do policial ser considerado relevante para a população como acontece lá. Aqui sabemos que os defensores dos direitos humanos só defendem bandidos. Isso é público e escancaradamente notório. Estamos com aproximadamente 150 policiais mortos só neste ano no Rio de Janeiro. Não vi ninguém que defende os direitos das pessoas se manifestar em apoio às suas famílias. Silêncio e omissão total! Agora, quando o assunto é copiar esteriótipos, aí somos eficientíssimos! Vejam a rapidez com que a tal Ideologia de Gêneros entrou nas nossas vidas! Tudo que vem para destruir, sacanear ou andar em descompasso com os nossos princípios é abraçado com volúpia e imediatamente posto em prática pelos devassos de plantão, como sendo uma salvação para nós. O engraçado é que as consideradas minorias, que buscavam ser respeitadas, não conseguem sequer dispensar um mínimo desse respeito tão desejado, quando se trata do seu oposto. Vejamos o caso dos homossexuais que tanto buscaram e ainda buscam respeito, mas fazem, na sua grande maioria, questão de agredir o oposto com palavras e atitudes que de respeito não têm nada! Por que o Hétero não precisa, por exemplo, pegar sua companheira e, no meio da praça, transar para mostrar o quanto é macho? Por que nas passeatas da Marcha Gay existem tantas figuras que agridem quem está "do outro lado" com gestos e palavras extremamente nocivas a qualquer convivência? Se reivindicam direitos por que não dá-los também? Ah, mas "somos vítimas de uma sociedade machista e homofóbica...!" Sinceramente esse discurso está com prazo de validade vencido. Essa cobrança seria correta ha 20, 30 ou 40 anos atrás. Aí caberia a cobrança por respeito porque naquela época era comum familiares aplicarem os piores castigos físicos a seus membros "desviados"! Hoje temos ainda intolerância, mas nada que se compare ao passado. Já repararam que em todas as novelas da Globo, por exemplo, é NECESSÁRIO que haja três ou quatro gays? E em alguns casos a agressão ao telespectador/família é gritante! Sabemos que é direito da pessoa dispor do seu corpo ao seu bel prazer. Mas existem lugares e hora para tudo! Será que é preciso colocar cenas de duas mulheres ou dois homens fazendo sexo aos beijos e lambidas? Não será exagero, como também é exagero mostrar casais héteros em cenas de sexo explícito em busca de audiência,  à tarde ou no início da noite, quando tínhamos folhetins para a real descontração? Quem via esse tipo de agressão nas novelas da Janete Clair ou do Cassiano Gabus Mendes? Já viram o quão ordinária é essa novela das 9? Também, criada por um certo Walcir Carrasco, só poderia dar nisso! O Brasil está em polvorosa com a briga do traz-não-traz da tal criadora da Ideologia de Gênero, Sra. ou Sr. Judith Butler. O Sesc Pompéia, São Paulo, havia convidado essa pessoa para palestrar em suas dependências no dia 28 de outubro passado. Não sei se a tal palestra aconteceu. Agora vejam: por causa dessa senhora/senhor, uma escola está dando o que falar. Uma professora dessa tal "escola" estava obrigando um garoto de aproximadamente 6 anos a PASSAR BATOM e ele se recusava veementemente. Foi castigado por não aceitar. Agora eu pergunto: qual a capacidade de discernimento que uma criança tem? Por que forçar a barra e tentar violentar uma pessoa que está com sua cabeça ainda em formação? Sabemos que o homossexualismo existe desde os tempos bíblicos! Seria hipocrisia de todos nós negar isso. Agora, por que você só pode votar a partir dos 16 anos? Por que tirar a primeira CNH também só pode aos 16 anos? E a maioridade é atingida com quantos anos? Então, por que antes de violentar crianças de forma tão infame, por que não deixar que cada um, após realmente se descobrir, assumir seu gênero? Lembram do drama vivido pela personagem Ivana/Ivan de "A força do querer"? A personagem foi se descobrindo aos poucos e, ao alcançar uma idade onde a consciência já estava formada, identificou-se como Homem! Ela passou por tudo isso sem precisar agredir ninguém! Pelo contrário: sofreu as piores agressões por parte da sua mãe, uma dondoca desocupada e fútil! Mas, voltando a Dona ou Senhor Judith Butler, dá pra entender porque ela quer que todo mundo siga sua torta ideologia. Como mulher, é um desastre total! Como Homem, não se parece com nada! Enfim, como diria minha mãe D Matilde, MULHER em todos os sentidos, "E uma coisa que nem fede nem cheira..."!! Vejam algumas fotos dessa mistura de "NADA com COISA NENHUMA":

Resultado de imagem para fotos da criadora da ideologia de gêneros
Qual homem hétero faria sexo com essa pessoa?



Resultado de imagem para fotos da criadora da ideologia de gêneros
Qual lésbica encararia esse tribufu?

terça-feira, 31 de outubro de 2017

O que faremos pelos R$10 reais?

Dessa vez a coisa vai! O Temer(ário) está com os dias contados. E já tem data certa pra ser despejado, na raça, do Palácio do Planalto, Jaburu e o escambau! Já deu! Já era! Imagina só, um Presidente com 94% de rejeição vai governar para o povo? Só quem acredita em Papai Noel é que afirmaria que sim! O malandro já mostrou que de quadrilha entende como ninguém, como tirar dinheiro dos cofres públicos, idem, como corromper e ser corrupto, idem idem, enfim, é um bandido pós graduado e vingativo. Aliás, todo vampiro o é! Depois de esculhambar com a Nação brasileira, escancarada e descaradamente comprando quem queria se vender para salvar sua horrível pele, o cara vai continuar no Poder até 31 de dezembro de 2018!! Sqn!! Ele já pode arrumar suas tralhas e espero que não roube mais alguma coisa do Palácio do Planalto, aliás, não conseguirá roubar nem que queira; o inquilino anterior levou tudo!, e arrume urgente. Não haverá essa de 31 de dezembro de 2018. Será em 1º de janeiro de 2018, quando o salário mínimo, anunciado com o valor de R$979,00, entrará em vigor com um desconto de R$10,00, passando a ter o valor de R$769,00. Aí foi o grande erro do canalha: ora, se por R$0,20 a galera foi à loucura colocando quase 3 milhões de pessoas nas ruas só em São Paulo, imaginem o que não farão por R$10,00!! Quero desde já convidar as pessoas que ficam implorando para que as FFAA intervenham, que mudem suas preces e apoio: peçam para essa galera que inundou a Paulista e eles resolverão. Vão ver só! Forças Armadas batem continência pra corrupto, ladrão e comunista há 15 anos! Esqueçam. A bola da vez, novamente, é o movimento que barrou os R$0,20 e agora, certamente, vai juntar uns 50 milhões de brasileiros e marchar para Brasília para, em lá chegando, engraxar a ponta dos sapatos e aplicar um merecido e estrondoso pontapé no traseiro do vampiro. Já vou me preparar para o grande dia. Mas, "pera aê": o cara foi denunciado, com provas de áudio e vídeo e conseguiu se safar. O Supremo teve as togas mijadas pelo Senado. A Procuradora Geral da República, que segundo as boas línguas é amiga do Presidente, tratou de imputar ao "Suíno" Geddel Vieira Lima (ah!, sobrenome ordinário!!!), o título de Chefe de Quadrilha. Sendo ele da mesma facção..., quero dizer, do mesmo partido político do Presidente! Como chefe de quadrilha, hierarquicamente, não poderá haver ninguém acima dele! Bingo! Se a denúncia da Procuradora for aceita, o Temer estará livre da acusação de "Chefe de organização criminosa"! Que maravilha! Aí eu penso: com tanta coisa ruim acontecendo Brasil afora, com tanta safadeza envolvendo Executivo, Legislativo e Judiciário, numa sintonia mórbida e nefasta, será que a galera dos R$0,20 vai realmente brigar pelos "dez contos" que vão roubar do Salário Mínimo? Sinceramente, depois de ver muita gente de camiseta verde e amarelo, fazendo coreografia em ruas e praças, perdi a esperança de um movimento popular de verdade, que corresse atrás e não quisesse apenas aparecer na carona de algum protesto chocho! O que vejo, como Funcionário Público do Estado da Bahia é que há mais de 5 anos venho recebendo meu Salário-base, que ERA pra ser de um Salário Mínimo, muito abaixo disso. Pra terem uma idéia, recebi hoje o salário e lá estão R$788,06! De quanto é o Salário Mínimo hoje? Pois é: por essas e outras é que não acredito que ninguém vá, de verdade, lutar pelo País. Quando muito, colocarão uma camiseta da mafiosa Seleção, colocarão um garotinho de 3 anos sentado no pescoço e "vamos curtir o domingo fazendo nossa participação no movimento"!! Não dá. É o mesmo que acreditar que um mamoeiro dará jabuticaba. Nem a Embrapa, com toda a sua competência, conseguiria tal proeza. E não vai ser um movimento de Facebook que o conseguirá, também! É uma pena!