terça-feira, 14 de novembro de 2017

Cultura Africana combina com "Breganejo"?

Junto com a chuva de final da tarde de hoje, veio uma passeata do Colégio Estadual Abelardo Moreira, com algumas equipes animadas e esbanjando disposição. Como não tomamos conhecimento de nenhuma manifestação cultural, foi normal debruçar-nos na janela para apreciar o cortejo. Quando passaram em frente à nossa casa, pudemos ver que se tratava de algo ligado à Negritude, justamente por se aproximar o Dia da Consciência Negra. A equipe que aparentemente foi a vencedora,  a Equipe Mandela, numa homenagem mais que justa ao grande líder africano. Todos os alunos estavam com os rostos pintados com pintura nativa, como faz o bloco carnavalesco Timbalada, de Salvador. Muito bonito por sinal e a simetria entre os pontinhos brancos contornando os olhos  e narizes era perfeita. Duas coisas me chamaram a atenção: a primeira, o "grito de guerra", "Somos da Raça Negra", ou coisa parecida, soou um pouco estranho. Será que cada um dos Continentes tem uma ou mais raças? Se assim for e pela atitude dos alunos festivos de hoje à tarde, o Brasil tem a Raça Negra e outras tantas que não convém citar. Até porque não cabe nenhuma citação; que Raça somos? Brancos, Índios, Asiáticos, Afrodescendentes, etc? Somos todos RAÇA HUMANA! O que temos de diferente são as etnias, cada uma com suas peculiaridades. Mas ainda assim, somos da  RAÇA HUMANA! Acho que não cabe essa colocação, como não cabe comemorar a Consciência Negra apenas numa semana do ano! A Consciência Negra tem de estar viva e latente o ano inteiro, como a consciência de que somos Humanos irmãos e iguais, idem! Por mais que falem que sofrem discriminação e preconceito, algumas vertentes da negritude brasileira fazem questão de alimentar a segregação, como se de fato estivessem lutando para combater o preconceito. Tem sim muito afrodescendente se aproveitando do seu irmão para se projetar politicamente. É bom ficar de olho aberto em pessoas muito "bem intencionadas"! Outro ponto que achei o maior deslize, foi a música escolhida para a passeata: sequer tiveram o cuidado de buscar na vasta coleção de músicas apropriadas ao tema, Timbalada, Olodum, Araketo, Ilê Ayê, Daniela Mercury, etc. e etc., pra colocarem no carro de som uma música pra lá de ordinária, onde uma dupla do famoso e pobre "Breganejo", cantava, para delírio dos afrodescendentes de caras pintadas, "Ai que saudade do caramba que eu tô..."! É o fim da picada! Em seguida, fui pro quintal e  tomei meu primeiro banho de chuva do ano com o meu "parça" D Chuvisco! Melhor assim, né?

domingo, 5 de novembro de 2017

Igualdade ou depravação?

Temos o hábito nada salutar de copiar as coisas ruins de outros países: moda de gosto duvidoso, "way of life" idem, comportamentos e gírias, e por aí vai. Não me lembro de termos copiado dos Estados Unidos, por exemplo, a obrigatoriedade de trabalhar para o Estado, por parte dos presos condenados! Não vi o Congresso Brasileiro copiar o modelo político da Suécia, por exemplo! Também não vejo o trabalho do policial ser considerado relevante para a população como acontece lá. Aqui sabemos que os defensores dos direitos humanos só defendem bandidos. Isso é público e escancaradamente notório. Estamos com aproximadamente 150 policiais mortos só neste ano no Rio de Janeiro. Não vi ninguém que defende os direitos das pessoas se manifestar em apoio às suas famílias. Silêncio e omissão total! Agora, quando o assunto é copiar esteriótipos, aí somos eficientíssimos! Vejam a rapidez com que a tal Ideologia de Gêneros entrou nas nossas vidas! Tudo que vem para destruir, sacanear ou andar em descompasso com os nossos princípios é abraçado com volúpia e imediatamente posto em prática pelos devassos de plantão, como sendo uma salvação para nós. O engraçado é que as consideradas minorias, que buscavam ser respeitadas, não conseguem sequer dispensar um mínimo desse respeito tão desejado, quando se trata do seu oposto. Vejamos o caso dos homossexuais que tanto buscaram e ainda buscam respeito, mas fazem, na sua grande maioria, questão de agredir o oposto com palavras e atitudes que de respeito não têm nada! Por que o Hétero não precisa, por exemplo, pegar sua companheira e, no meio da praça, transar para mostrar o quanto é macho? Por que nas passeatas da Marcha Gay existem tantas figuras que agridem quem está "do outro lado" com gestos e palavras extremamente nocivas a qualquer convivência? Se reivindicam direitos por que não dá-los também? Ah, mas "somos vítimas de uma sociedade machista e homofóbica...!" Sinceramente esse discurso está com prazo de validade vencido. Essa cobrança seria correta ha 20, 30 ou 40 anos atrás. Aí caberia a cobrança por respeito porque naquela época era comum familiares aplicarem os piores castigos físicos a seus membros "desviados"! Hoje temos ainda intolerância, mas nada que se compare ao passado. Já repararam que em todas as novelas da Globo, por exemplo, é NECESSÁRIO que haja três ou quatro gays? E em alguns casos a agressão ao telespectador/família é gritante! Sabemos que é direito da pessoa dispor do seu corpo ao seu bel prazer. Mas existem lugares e hora para tudo! Será que é preciso colocar cenas de duas mulheres ou dois homens fazendo sexo aos beijos e lambidas? Não será exagero, como também é exagero mostrar casais héteros em cenas de sexo explícito em busca de audiência,  à tarde ou no início da noite, quando tínhamos folhetins para a real descontração? Quem via esse tipo de agressão nas novelas da Janete Clair ou do Cassiano Gabus Mendes? Já viram o quão ordinária é essa novela das 9? Também, criada por um certo Walcir Carrasco, só poderia dar nisso! O Brasil está em polvorosa com a briga do traz-não-traz da tal criadora da Ideologia de Gênero, Sra. ou Sr. Judith Butler. O Sesc Pompéia, São Paulo, havia convidado essa pessoa para palestrar em suas dependências no dia 28 de outubro passado. Não sei se a tal palestra aconteceu. Agora vejam: por causa dessa senhora/senhor, uma escola está dando o que falar. Uma professora dessa tal "escola" estava obrigando um garoto de aproximadamente 6 anos a PASSAR BATOM e ele se recusava veementemente. Foi castigado por não aceitar. Agora eu pergunto: qual a capacidade de discernimento que uma criança tem? Por que forçar a barra e tentar violentar uma pessoa que está com sua cabeça ainda em formação? Sabemos que o homossexualismo existe desde os tempos bíblicos! Seria hipocrisia de todos nós negar isso. Agora, por que você só pode votar a partir dos 16 anos? Por que tirar a primeira CNH também só pode aos 16 anos? E a maioridade é atingida com quantos anos? Então, por que antes de violentar crianças de forma tão infame, por que não deixar que cada um, após realmente se descobrir, assumir seu gênero? Lembram do drama vivido pela personagem Ivana/Ivan de "A força do querer"? A personagem foi se descobrindo aos poucos e, ao alcançar uma idade onde a consciência já estava formada, identificou-se como Homem! Ela passou por tudo isso sem precisar agredir ninguém! Pelo contrário: sofreu as piores agressões por parte da sua mãe, uma dondoca desocupada e fútil! Mas, voltando a Dona ou Senhor Judith Butler, dá pra entender porque ela quer que todo mundo siga sua torta ideologia. Como mulher, é um desastre total! Como Homem, não se parece com nada! Enfim, como diria minha mãe D Matilde, MULHER em todos os sentidos, "E uma coisa que nem fede nem cheira..."!! Vejam algumas fotos dessa mistura de "NADA com COISA NENHUMA":

Resultado de imagem para fotos da criadora da ideologia de gêneros
Qual homem hétero faria sexo com essa pessoa?



Resultado de imagem para fotos da criadora da ideologia de gêneros
Qual lésbica encararia esse tribufu?

terça-feira, 31 de outubro de 2017

O que faremos pelos R$10 reais?

Dessa vez a coisa vai! O Temer(ário) está com os dias contados. E já tem data certa pra ser despejado, na raça, do Palácio do Planalto, Jaburu e o escambau! Já deu! Já era! Imagina só, um Presidente com 94% de rejeição vai governar para o povo? Só quem acredita em Papai Noel é que afirmaria que sim! O malandro já mostrou que de quadrilha entende como ninguém, como tirar dinheiro dos cofres públicos, idem, como corromper e ser corrupto, idem idem, enfim, é um bandido pós graduado e vingativo. Aliás, todo vampiro o é! Depois de esculhambar com a Nação brasileira, escancarada e descaradamente comprando quem queria se vender para salvar sua horrível pele, o cara vai continuar no Poder até 31 de dezembro de 2018!! Sqn!! Ele já pode arrumar suas tralhas e espero que não roube mais alguma coisa do Palácio do Planalto, aliás, não conseguirá roubar nem que queira; o inquilino anterior levou tudo!, e arrume urgente. Não haverá essa de 31 de dezembro de 2018. Será em 1º de janeiro de 2018, quando o salário mínimo, anunciado com o valor de R$979,00, entrará em vigor com um desconto de R$10,00, passando a ter o valor de R$769,00. Aí foi o grande erro do canalha: ora, se por R$0,20 a galera foi à loucura colocando quase 3 milhões de pessoas nas ruas só em São Paulo, imaginem o que não farão por R$10,00!! Quero desde já convidar as pessoas que ficam implorando para que as FFAA intervenham, que mudem suas preces e apoio: peçam para essa galera que inundou a Paulista e eles resolverão. Vão ver só! Forças Armadas batem continência pra corrupto, ladrão e comunista há 15 anos! Esqueçam. A bola da vez, novamente, é o movimento que barrou os R$0,20 e agora, certamente, vai juntar uns 50 milhões de brasileiros e marchar para Brasília para, em lá chegando, engraxar a ponta dos sapatos e aplicar um merecido e estrondoso pontapé no traseiro do vampiro. Já vou me preparar para o grande dia. Mas, "pera aê": o cara foi denunciado, com provas de áudio e vídeo e conseguiu se safar. O Supremo teve as togas mijadas pelo Senado. A Procuradora Geral da República, que segundo as boas línguas é amiga do Presidente, tratou de imputar ao "Suíno" Geddel Vieira Lima (ah!, sobrenome ordinário!!!), o título de Chefe de Quadrilha. Sendo ele da mesma facção..., quero dizer, do mesmo partido político do Presidente! Como chefe de quadrilha, hierarquicamente, não poderá haver ninguém acima dele! Bingo! Se a denúncia da Procuradora for aceita, o Temer estará livre da acusação de "Chefe de organização criminosa"! Que maravilha! Aí eu penso: com tanta coisa ruim acontecendo Brasil afora, com tanta safadeza envolvendo Executivo, Legislativo e Judiciário, numa sintonia mórbida e nefasta, será que a galera dos R$0,20 vai realmente brigar pelos "dez contos" que vão roubar do Salário Mínimo? Sinceramente, depois de ver muita gente de camiseta verde e amarelo, fazendo coreografia em ruas e praças, perdi a esperança de um movimento popular de verdade, que corresse atrás e não quisesse apenas aparecer na carona de algum protesto chocho! O que vejo, como Funcionário Público do Estado da Bahia é que há mais de 5 anos venho recebendo meu Salário-base, que ERA pra ser de um Salário Mínimo, muito abaixo disso. Pra terem uma idéia, recebi hoje o salário e lá estão R$788,06! De quanto é o Salário Mínimo hoje? Pois é: por essas e outras é que não acredito que ninguém vá, de verdade, lutar pelo País. Quando muito, colocarão uma camiseta da mafiosa Seleção, colocarão um garotinho de 3 anos sentado no pescoço e "vamos curtir o domingo fazendo nossa participação no movimento"!! Não dá. É o mesmo que acreditar que um mamoeiro dará jabuticaba. Nem a Embrapa, com toda a sua competência, conseguiria tal proeza. E não vai ser um movimento de Facebook que o conseguirá, também! É uma pena!


sábado, 21 de outubro de 2017

Para bom entendedor... um Geddel basta!!

Quem nasceu na década de 1940 e 1950 lembra muito bem dos lendários carros da Chrysler que despertaram ódio e paixão nos anos de 1970 e 1980 no Brasil. Os modelos mais amados e odiados eram os Dodge Challenger, Dodge Charge RT e o "Dodginho"! Esse último odiado por todos, até ressurgir todo renovado com o apelido de Polara. Esse veio muito bom! A montadora americana tem um histórico muito instável no Brasil. Por várias vezes abriu fábrica em nosso território mas acabou indo embora de vez. Como confiar em produtos de uma fábrica que não te dá a menor segurança ao comprá-los? Pois bem: O ex Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, segundo muitos jornalistas e comentaristas, em algumas situações revelou-se tendencioso ou omisso. O certo é que algumas das suas decisões me desapontaram. E olhe que sou um completo ignorante no tocante à interpretação jurídica de qualquer fato. Não tenho essa capacidade. Mas, lendo uma coisa aqui, ouvindo outra ali e vendo outras acolá, a gente acaba formando uma opinião. Para mim, o que ele fez de melhor, não sei se para agradar quem o indicou (Dilma), foi tentar apear do Poder o Presidente mais ordinário que o País já teve. Apresentou duas denúncias bem fundamentadas, segundo entendidos, sendo que da primeira o Temer, comprando quantos estivessem disponíveis a aceitar "30 dinheiros", safou-se. Nessa segunda denúncia, vemos a repetição da bandalheira parlamentar e os malabarismos escusos que o Planalto faz para manter no cargo alguém que ninguém mais consegue enxergar como Vossa Excelência, o Presidente da República Federativa do Brasil! Porém, entre uma denúncia e outra, apanharam o Geddel! Ele que, segundo comentaristas políticos, como o Eduardo Cunha, é uma verdadeira bomba H, se delatar. A expectativa é grande em torno dessa possível delação do "Suíno" baiano. Com as chances de ser derrotado no Plenário da Câmara, na CCJ já livrou a cara, o Temer parece mexer com mais pauzinhos "do que supõe nossa vã filosofia"! Pra mostrar seriedade, a Procuradora Geral Raquel Dodge tratou de denunciar Geddel justamente pelo crime de "Chefe de organização criminosa", justamente a acusação mais "pesada" imputada a Temer pelo ex Procurador Geral. Eu aplaudo a Procuradora quando ela inclui o Geddel numa organização criminosa! Não podia ser diferente. Mas, qual a jogada, segundo comentaristas especializados, por trás da qualificação de chefe de Orcrim? Para muitos, se um chefe de Orcrim resolve delatar, ele terá certamente alguns benefícios e servirá para mostrar todo organograma da organização e assim chegar a todos os seus membros. Só que o Geddel como chefe de Organização criminosa não tem, teoricamente, sobre ele mais ninguém hierarquicamente falando! Logo, o Temer terá, em tese, se livrado daquela acusação de "Chefe de organização criminosa" sugerida por Janot! Quero crer que a outra acusação, obstrução à Justiça, deve ser bem mais "light"! Sabemos que Geddel é do PMDB, muito ligado ao Temer e justamente por isso os comentaristas entendem que a "promoção" dele a Chefe é uma jogada da Raquel Dodge para salvar a pele do seu amigo e padrinho "Drácula"! Voltando aos veículos que despertaram tanta paixão e ódio, na Política também é assim. Por isso volto a repetir: nunca confiei nos veículos da Chrysler. nenhum Dodge me encheu os olhos. Prefiro a segurança da Volkswagen, GM, Mercedes...

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Como alguém pode ser tão canalha?

Pelo visto, não adianta nenhuma movimentação, nenhuma manifestação, nada! Nada faz o Temer dar sinais de que está preocupado com a sua rejeição astronômica pelo povo brasileiro. Tudo que parece lhe interessar, quebrando ainda mais o País, é salvar sua pele e dos seus comparsas, usando para isso o dinheiro que deixou de ser repassado para Educação, Pesquisa, Saúde, Transporte, etc., para comprar apoio de Deputados tão canalhas quanto ele. Eu nunca vi uma pessoa tão rejeitada ter tanto poder! Parece que invertemos de vez a lógica das coisas. Aliás, essa inversão já aconteceu nos princípios que norteiam a instituição Família! Os lares brasileiros nunca foram tão aviltados como agora, justamente por pessoas que deveriam levar o esclarecimento através da sua arte. Agora, esqueça os pincéis, as telas, as esculturas, o piano, o violão, a poesia, a prosa. Esqueça tudo que você conhecia como Arte. Agora, no Brasil, Arte mesmo é enfiar uma vela no ânus de cada integrante de uma roda de pelados e, do centro, o "artista" acendê-las! Lindo e delirante! Ou então fazer outro círculo com pessoas nuas, de quatro pés, e uma enfiando o dedo no toba da outra e rodar. Isso, certamente, é de uma profundidade cultural que pode, além de ser visceral, também intestinal! Esses são os valores que querem impor à sociedade brasileira. Temer é o canalha que está impondo ao povo brasileiro um dos piores e vergonhosos governo da nossa História. E tem o apoio de outros pares seus na Câmara dos Deputados, Senado Federal e Judiciário. Mas, em qualquer País, se a coisa descambar para a esculhambação administrativa, como estamos vivendo, não existem mecanismos para frear essa molequeira? Sim, existem, mas no Brasil não! O que existe é a compra e venda de parlamentar, com dinheiro retirado de coisas básicas para o povo, para que o emporcalhado Presidente da República se livre de duas denúncias bem fundamentadas. Aliás, quem não viu o Rocha Loures, capacho presidencial apanhar uma mala de dinheiro para seu faminto chefe? Se, como disse Aécio Neves, da tribuna do Senado que está sendo vítima de "armação ardilosa feita por empresários bandidos.." e na gravação de sua conversa com o "empresário bandido" ele pede 2 milhões a este sujeito e ainda brinca de "matar" quem pensasse em delatar, ou, como falou o Temer na sua nota à imprensa, dizendo que o Joesley Batista é bandido, por que esses dois senhores recorreram a essa pessoa de currículo tão desabonador para pedir propina? Quando, na calada da noite o Temer recebeu às escondidas o Joesley Batista ela já era "bandido" ou tornou-se fora da lei só por que esse mostrou o tamanho do canalha que governa o País? Os argumentos desses caras nunca colaram. O Temer é tão picareta quanto o Eduardo Cunha, Geddel, Aécio e um infindável rol de "Honoráveis Bandidos"!! A pergunta é: qual Instituição vai frear esses verdadeiros ladrões da Pátria? Esqueçam o Judiciário! Aliás, com a decisão do Senado em devolver o mandato ao Aécio, a turma do Supremo que lhe impôs as tais medidas cautelares tiveram suas togas mijadas pelos senadores. Bem feito! Afinal, não vejo diferença nenhuma entre Legislativo, Executivo e Judiciário.  Não são seus membros que pregam a "harmonia entre os Três Poderes"? Mais harmonioso do que isso, impossível!

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

A confissão do Aécio.

É interessante como os comentários de políticos envolvidos em escândalos comprovados, repetem sempre o mesmo mantra: "Não pedi nem autorizei ninguém a pedir em meu nome ou de qualquer pessoa, dinheiro para caixa 2. Minhas contas foram aprovadas pela Justiça Eleitoral"!! Todos repetem o mesmo discurso ensaiado, apesar de alguns irem para a cadeia. O Senador Aécio Neves demonstrou também,  o quanto é dissimulado. Na sua volta ao Puteiro, quero dizer, Senado Federal, da Tribuna falou "Estou sendo vítima de uma ardilosa armação, perpetrada por empresários desonestos que enriqueceram à custa do dinheiro público..."! Concordo que os empresários são bandidos. Como também é desonesto quem pede propina a esses bandidos. Se não foram propina aqueles 2 milhões, por que então pedir empréstimo a "empresários desonestos"? Será que o senador está com o nome sujo na Serasa e S P C e não pode contrair um empréstimo nos bancos? Sim, porque com a opinião pública o senador esta pra lá de negativado. Mas, como acham que somos todos idiotas e desmemoriados...!!

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Quem precisa de um nome?

Engraçado como a vida nos prega peças! Foi enterrado hoje em minha cidade, um grande amigo de longas datas. Mas são longas datas mesmo! Quero crer que o conheci há mais de 45 anos. Parceiro de farras, de cantorias, e, acima de tudo, de muita gozação. Onde ele chegava, se estivesse "mordendo o rabo da cobra", como dizemos por aqui, era risada na certa. Tinha um jeito todo especial de falar. Chamava todo mundo de "Brother" ou de "Doido"! "Fala doido...", me falava sempre. Era só me ver e vinham as resenhas: "Filesss...", lembrando da música do Morris Albert, Feelings, gravada por todo o mundo e que fazia parte do meu repertório quando tocava numa banda da cidade. E eu tinha de cantar um pedacinho e logo logo vinha: "Doido é aí! Eu te amo um milhão, doido. Sabia que eu te amo um milhão"? Era sempre assim. Quando ele conheceu Amélia, volta e meia ele se aproximava e dizia: "Dona, ame muito esse doido! Ele é um brother milhão..."! Depois me perguntava: "Doido, tu sabe por que eu não te matei ainda? É porque eu te amo um milhão"!! E vinha a risadaria. De repente, no dia de ontem, vem a triste notícia: "Brother de Bié morreu..."! Foi meio que um soco no estômago. "Bié" era o apelido do seu pai. Pela cidade o comentário era sempre o mesmo: "Poxa, Brother de Bié morreu..."! Quando fui dormir, calorão começando a chegar e sono começando a se distanciar, dei-me conta de que durante esses aproximados 45 anos de convivência, eu sequer sabia o nome do meu querido "Brother"!! Peguei-me sorrindo, realmente achando graça da situação: como você pode conviver com uma pessoa por longos 45 anos, dar-se super bem com ela e nem o primeiro nome dessa pessoa você sabe? É engraçado e interessante ao mesmo tempo. Isso porque me dei conta que o nome é o que menos importa num relacionamento. Quando há amizade sincera e pura pra que nome se um "!brother" ou um "doido" são mais que suficientes para a perfeita identificação? Por esse motivo eu me peguei perguntando a mim mesmo: "Quem precisa de um Nome, se um apelido une muito mais duas ou mais pessoas"? Que Deus na sua infinita bondade permita que ele encontre a Luz. Só não garanto que ao encontrar os anjos ele vai se comportar. Já pensaram ele sendo recebido por um Irmão de Luz e dizendo "Fala doido...! Tu é meu Brother..."!! Imagino a situação, rio sozinho mas, decididamente, não quero estar presente! Ainda não! kkkkkkkk